Leilão da Fiol ganha força com novos projetos ferroviários


O leilão do primeiro lote da Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol), marcado para abril deste ano, tem atraído mais interesse do que se esperava.

Inicialmente, a avaliação era que o trecho interessaria apenas a uma companhia: a Bahia Mineração (Bamin), que opera na região a Mina Pedra de Ferro. Porém, o avanço de outros projetos ferroviários passaram a dar uma nova perspectiva de cargas para a ferrovia e, com isso, chamar a atenção de outros grupos.

O primeiro trecho da Fiol, de Ilhéus a Caetité (BA), é bastante dependente da mina da Bamin, empresa controlada pelo Eurasian Resources Group, do Casaquistão. A companhia, que também depende da Fiol para viabilizar sua produção de minério de ferro, já declarou o plano de participar do leilão, em consórcio.

A Bahia Mineração busca parceria para concorrer; grupos como CCCC, VLI e Rumo vão estudar o projeto
No passado, o grupo chegou a firmar um memorando de entendimentos com a China Communication Construction Company (CCCC) e a China Railway Group (Crec). Porém, o acordo não andou, e a empresa estuda alternativas de consórcio, já que há novos interessados, afirma o presidente da Bamin, Eduardo Ledsham.

Ainda é cedo para a definição dos concorrentes, mas a avaliação do mercado é que outros grupos podem participar do leilão, como a VLI (empresa da Vale, Mitsui, FI-FGTS, Brookfield e BNDES), operadora da Ferrovia Centro Atlântica (FCA), que cruza a Bahia. Um possível interesse da Rumo (da Cosan) tampouco é descartado.

Além disso, fundos de investimentos voltados a infraestrutura têm olhado o ativo, para possivelmente compor parcerias, diz Bruno Aurélio, sócio do Demarest.

O interesse do mercado cresceu diante da perspectiva de que o governo irá levar adiante os demais trechos da Fiol. A ferrovia está dividida em três lotes. Além do primeiro, que irá a leilão em abril, há um segundo trecho, de Caetité até Barreiras (no oeste baiano), com mais de 45% de execução física. A ampliação traria novas cargas do agronegócio à via.

Já com o terceiro lote, de Barreiras até Figueirópolis (TO), a atratividade passaria a outro patamar, devido à conexão com a ferrovia Norte-Sul (no tramo operado pela Rumo). A Valec já fez o projeto básico para o trecho, mas a construção não começou.

Embora seja difícil imaginar que os próximos trechos serão licitados ainda neste governo, há uma confiança de que sairão do papel, avalia Alberto Sogayar, sócio do L. O. Baptista. “O edital foi estruturando pensando nos próximos lotes. Haverá demanda.”

Outro fator recente também elevou o interesse pela Fiol: a viabilização da Ferrovia de Integração Centro Oeste (Fico), que fará a conexão entre o Mato Grosso e a ferrovia Norte-Sul. Com isso, pode se formar um novo corredor de escoamento agrícola, do Centro-Oeste até o porto em Ilhéus.

Há, inclusive, uma possibilidade de conexão direta entre Fico e Fiol, segundo o Ministério de Infraestrutura. Porém, a viabilidade ainda está em estudo. A ligação exigiria uma mudança nos traçados: hoje, a previsão é que a Fico se conecte à Norte-Sul por Mara Rosa (GO), e a Fiol, por Figueirópolis (TO). Uma fonte avalia que a alteração não seria simples, e que o corredor pode se configurar mesmo sem uma ligação direta.

A construção da Fico, com 383 km, será realizada pela Vale. O investimento será uma contrapartida à renovação antecipada de outra concessão do grupo, a Estrada de Ferro Vitória a Minas. Dessa forma, os recursos para a obra estão garantidos e, como a construção será tocada por uma empresa privada, tende a ser mais célere.

“A Fiol passa a ser uma via importante para o agronegócio”, afirma Fernando Paes, diretor-executivo da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF). Para ele, outro fator positivo é a recente experiência da concessão da Norte-Sul, arrematada pela Rumo no início de 2019, sem que a via tivesse sido totalmente construída. “Foi consolidado o modelo de leiloar a ferrovia inacabada. No caso da Norte-Sul, deu certo, o que dá mais segurança para que se repita”, diz. O trecho da Fiol entre Ilhéus e Caetité está com cerca de 75% de sua obra concluída.

Questionada sobre o leilão, a chinesa CCCC afirmou que está estudando sua participação. A VLI disse que “todas as oportunidades são avaliadas”, sem confirmar o interesse. A Rumo também diz que sempre avalia oportunidades, mas não tem posição definida.

A viabilidade da Fiol também depende da construção do Porto Sul, em Ilhéus, por onde será escoada a carga. As obras, conduzidas pela Bamin em parceria com o governo baiano, começaram em 2020 e devem ficar prontas em dois anos, diz o vice-governador, João Leão (PP).

O Ministério de Infraestrutura destaca que o edital da Fiol garante que o novo operador possa construir um terminal portuário privado no porto, em uma área já delimitada. O vencedor do contrato também poderá optar por firmar um contrato com a Bamin, para usar seu terminal.

Para a mineradora, é essencial garantir a operação da ferrovia e do porto, já que seu projeto é voltado à exportação do minério de ferro, explica o presidente. A Bamin começou a operar neste mês sua planta piloto em Caetité, em escala reduzida: a produção vai começar em 1 milhão de tonelada por ano e deve chegar até 3 milhões de toneladas. A ideia é ampliar para 18 milhões de toneladas de minério por ano, mas essa expansão ainda depende da infraestrutura de escoamento.

Fonte: Valor Econômico 

Itabuna: Decreto exonera servidores contratados para readequar o quadro da Prefeitura


Por meio do Decreto nº 14.058, de 8 de janeiro de 2021, a Prefeitura de Itabuna determinou o afastamento dos servidores contratados, já que muitos destes profissionais não passaram por processo seletivo para ingressar no quadro de servidores públicos.

O Decreto foi publicado na edição eletrônica do Diário Oficial do Município nº 4.376.

O secretário municipal de Gestão de Inovação, José Alberto Lima Filho, disse que a medida visa regularizar o quadro de servidores públicos. “Nosso objetivo é reorganizar o quadro da Prefeitura e valorizar o servidor público” frisou, destacando o compromisso do prefeito Augusto Castro em racionalizar a despesa pública, capacitar o funcionalismo e oferecer serviços públicos de qualidade à população.

O secretário, esclarece, no entanto que, excepcionalmente, o vínculo do funcionário contratado pode ser mantido, caso seu desligamento comprometa a prestação de serviços essenciais. Além disso, uma recontratação em caráter emergencial também poderá ser feita por um período de três meses, sendo possível a prorrogação por igual período.

Governo vai antecipar pagamento do 13º salário e abono salarial


O governo federal vai antecipar para o início deste ano o pagamento do 13º salário de aposentados e pensionistas, além do abono salarial. O pagamento da primeira parcela deve acontecer em fevereiro, enquanto a segunda parcela será paga em março. A proposta de antecipação considera os impactos negativos da Covid-19 e do fim do auxílio emergencial na economia brasileira. A avaliação é que a equipe econômica do governo já teria aprovado o pagamento antecipado, uma vez que o valor já consta no orçamento de 2021.

No ano passado, o governo cogitou criar um novo programa social, o Renda Brasil, que seria a marca da administração de Jair Bolsonaro. Entretanto, agora, a sinalização é que o próprio Bolsa Família seja ampliado ou, até mesmo, reformulado. O presidente tem afirmado que não há como retomar, como vem sendo pedido, o pagamento do auxílio emergencial. Por isso, ele defende a necessidade de evitar novos períodos de quarentena que possam impactar o comércio e levar ao fechamento das cidades. “Pessoal criticando alguns prefeitos que estão fechando tudo, ué? Mas o cara já fechava, reelegeu o cara, quer o quê? Ele acha, na cabeça dele, que isso é melhor para o seu município, mas a economia vai embora”, disse.

Nesta terça-feira, 12, o presidente Jair Bolsonaro o projeto que cria o programa “Casa Verde e Amarela”, que pretende, na prática, substitui o “Minha Casa Minha Vida”. A ideia é que projeto beneficie famílias com renda mensal de até R$ 7 mil. O presidente vetou, no entanto, por recomendação da área técnica, a extensão de benefício fiscal que as construtoras tinham no programa anterior.

Informações da Jovem Pan.

Miliciano envolvido na morte de contraventor do RJ é preso em Canavieiras


Um miliciano envolvido na morte do contraventor Fernando Iggnácio de Miranda, no Rio de Janeiro, no dia 10 de novembro de 2020, foi capturado na tarde desta terça-feira (12), durante ação conjunta das polícias Civil e Militar da Bahia e do RJ. O criminoso estava escondido em uma pousada, na cidade baiana de Canavieiras, na região Sul do estado.

Através de ações de inteligência e de uma ligação anônima para o Centro Integrado de Comunicações (Cicom), equipes da 6ª (Itabuna) e 7ª (Ilhéus) Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpins) e da 71ª CIPM localizaram o foragido da Justiça identificado Rodrigo Silva das Neves. Um outro homem encontrado com o miliciano também foi detido.

A dupla foi encaminhada para a sede da 7ª Coorpin, na cidade de Ilhéus, onde a identificação humana do miliciano foi efetuada e o mandado de prisão cumprido. Após exames, no Departamento de Polícia Técnica (DPT), o miliciano ficará à disposição da polícia carioca.

“Trabalhamos em parceria com as forças de segurança dos outros estados, visando sempre o combate ao crime organizado. As equipes de Ilhéus e Itabuna, com apoio da PM, vão apurar se o miliciano só se escondia, na Bahia, ou se praticava algum tipo de crime”, informou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegado Flávio Góis.

Caso

Fernando Iggnácio foi genro do Castor de Andrade.

 

O contraventor Fernando de Miranda Iggnácio foi morto a tiro no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio, na tarde do dia 10 de novembro de 2020.

De acordo com as informações , Fernando retornava de uma viagem em Angra dos Reis, na Costa Verde, quando foi surpreendido no estacionamento de um heliporto.

Os criminosos estavam escondidos no matagal e pularam o muro do heliporto para fazer o disparo. A vítima foi atingida na cabeça e morreu no local.

Fernando era ex-genro de um dos mais famosos bicheiros, o Castor de Andrade, que morreu em 1997.

Ele já havia sido alvo de investigações relacionadas a homicídios e contra a máfia dos caça-níqueis.

Vereador Kaique Souza recebe representantes do futebol ilheense em seu Gabinete


Nesta terça-feira (12), o Vereador Kaique Souza, recebeu em seu gabinete Dernivaldo Ribeiro Santos (Quinkas), Presidente da Liga llheense de Futebol; Iago Moura, Chefe de Fomento ao Esporte Amador e Ailton Veloso Santos, Diretor de Divisão do Esporte, da Prefeitura de Ilhéus, que debateram amplamente sobre o fomento do Esporte em nossa cidade, Calendário do Esporte Amador para o ano de 2021, manutenção do Estádio Mário Pessoa, dentre outros assuntos.

Para Vereador Kaíque Souza é por demais salutar a união de todos segmentos do Esporte no sentido de aglutinar forças, lutarmos juntos pelo mesmo ideal e promovermos ações de beneficie toda comunidade. ” Nosso gabinete estará sempre aberto também para todos segmentos esportivos, e, esta é uma das minhas bandeiras que levarei com afinco, defendendo e buscando meios para resgatar o Esporte de Ilhéus”, concluiu o Vereador Kaique Souza.

Mega-Sena acumulada sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 12 milhões


Imagem ilustrativa

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (13) um prêmio acumulado de R$ 12 milhões.

As seis dezenas do concurso 2.334 serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

De acordo com a Caixa, o valor do prêmio principal, caso aplicado na poupança, renderia no primeiro mês mais de R$ 13 mil. O valor da aposta simples, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet.

Decreto declara Situação de Emergência no Transporte Coletivo de Itabuna


Imagem ilustrativa.

 

O prefeito Augusto Castro (PSD) baixou o Decreto nº 14.104 declarando Situação de Emergência pelo prazo de 180 dias, visando garantir o fornecimento da prestação de Serviços de Transporte Coletivo, para atender a toda a população de Itabuna, assegurando serviços essenciais. O Decreto foi publicado na edição nº 4.378 do Diário Oficial eletrônico.

Com a declaração, a Prefeitura poderá viabilizar a contratação emergencial, por dispensa de licitação, de empresa, pessoa jurídica ou entidade, com qualificação fiscal, jurídica, econômico-financeira e técnica para a prestação de serviços necessários ou fornecimento de bens, durante o prazo, ou até a conclusão de procedimento licitatório com vistas à contratação da melhor proposta para a administração pública municipal.

O Decreto autoriza a Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito a deflagrar, imediatamente, os processos licitatórios para a prestação de serviços através de certame público. Além disso, também fica autorizada a contratação emergencial de profissionais, bens ou serviços, tendo como base casos de emergência ou de calamidade pública, quando caracterizada urgência de atendimento de situação prevista no inciso IV, artigo 24, da Lei Federal nº 8.666, de 21 de junho de 1993.

Desde que assumiu o mandato, Augusto Castro tem se dedicado firmemente a solucionar o impasse entre a Prefeitura, as empresas São Miguel e Sorriso da Bahia, concessionárias do serviço de transporte público municipal por ônibus e o Sindicato dos Rodoviários, por considerar que a população não pode ser penalizada. Desde 21 de março de 2019 que o serviço de transporte público havia sido paralisado por conta da pandemia do novo coronavírus.

“Trabalhamos diuturnamente pelo consenso. Temos compromisso com a população, que sofre com a falta de transporte público de qualidade nos seus deslocamentos diários. É uma grave situação que não pode continuar. Estamos finalizando as negociações com a cautela que a situação exige pelas implicações e consequências jurídicas. Estamos no caminho certo”, afirma Augusto Castro.

Além de prejudicar a mobilidade das pessoas, a paralisação dos ônibus causou reflexos graves na atividade econômica da cidade, prejudicando o comércio, a indústria e o setor de serviços. Com a assinatura do Decreto, o prefeito inicia a solução do impasse o que resultará no retorno da operação e na gradual retomada do cotidiano da população com a oferta dos ônibus nos principais itinerários ao custo da mesma tarifa de R$ 3,70 vigente em março passado.4

Ilhéus: HRCC será ampliado e inauguração do Hospital da Mulher acontece em abril


Obras no Antigo Hospital Regional Luiz Viana Filho, hoje Hospital da Mulher será inaugurado em Abril.

Uma comitiva de autoridades municipais e do Estado da Bahia realizou uma vistoria nesta terça-feira (12) no primeiro Hospital da Mulher materno infantil de alta complexidade da região Sul e uma reunião no Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus. O secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, acompanhado pelo deputado federal Paulo Magalhães, do prefeito e vice-prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre e Bebeto Galvão, e pelo prefeito de Itabuna, Augusto Castro, anunciou a ampliação de leitos do HRCC e que o Hospital da Mulher está previsto para ser inaugurado em abril próximo. A visita se estendeu para as unidades hospitalares da Santa Casa de Misericórdia e do Hospital de Base no município de Itabuna.

“O Governo do Estado vai ampliar o Hospital Costa do Cacau com mais 80 leitos para desafogar a região. Estamos trabalhando para ampliar a oferta de serviços e manter o hospital dentro da alta complexidade”, disse o secretário Fábio Vilas-Boas, ao informar que a Sesab antecipou o processo de ampliação fase 2 do HRCC para 2021, que aconteceria somente em 2022.  “Lá para o mês de abril desse ano, vamos inaugurar o hospital materno infantil, uma unidade com 100 leitos destinados ao atendimento de cirurgia pediátrica, pediatria e toda a complexidade e obstetrícia incluindo neonatal”, acrescentou o secretário de Saúde.

O prefeito Mário Alexandre demonstrou otimismo sobre a união de Ilhéus com o município de Itabuna para o fortalecimento da saúde regional. “A ampliação de leitos do Hospital Costa do Cacau vai melhorar a qualidade do atendimento da alta complexidade. Nossa região também ganha muito com o hospital da mulher em Ilhéus, sendo referência para o Sul da Bahia. Além disso, com mais 5 postos de saúde que serão construídos na nossa cidade, vamos aumentar nossa cobertura da atenção básica de 56% para 75%, o que vai melhorar a saúde do nosso povo e  ajudar a desafogar a demanda ambulatorial do HRCC”, informou.

Confira as vagas de emprego oferecidas pelo SineBahia em Ilhéus


Vagas de emprego.

O SineBahia divulgou as vagas de emprego disponíveis para esta quarta-feira (13) em Ilhéus.

Os interessados devem se apresentar a uma unidade do órgão com carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade e laudo médico (PCD).

O SineBahia informa que as vagas divulgadas são apenas algumas entre as disponíveis.

Em Ilhéus, a unidade do SineBahia fica no SAC sala 14, situada à Rua Eustáquio Bastos, 308 Centro.

VAGAS:

PCD AUXILIAR ADMINISTRATIVO
VAGA EXCLUSIVA PARA PCD
Ensino médio completo ou ensino superior cursando ou completo
Experiência mínima de 6 meses comprovada na carteira
01 VAGA

OPERADOR DE MÁQUINA DE EMBALAR
Ensino médio completo
Experiência mínima de 6 meses comprovada na carteira
01 VAGA

MARCENEIRO DE MÓVEIS
Ensino fundamental incompleto
Experiência mínima de 6 meses na função
01 VAGA

AUXILIAR DE TÉCNICO DE CONTROLE DE QUALIDADE
Ensino médio completo
Experiência mínima de 6 meses comprovada na carteira
01 VAGA

MANICURE
Ensino fundamental completo
Experiência mínima de 6 meses na função
01 VAGA

CABELEIREIRA
Ensino fundamental completo
Experiência mínima de 6 meses na função
01 VAGA

ANALISTA DE SUPORTE TÉCNICO
Superior Completo em Engenharia Elétrica
Experiência mínima de 06 meses na carteira
Possuir conhecimento em Sistema SAP
01 VAGA

DESENHISTA INDUSTRIAL GRÁFICO ( DESIGNE GRÁFICO )
Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 6 meses na Função
Possuir Conhecimento em Corel Draw
01 VAGA

MONTADOR DE ESTRUTURAS METÁLICAS
Ensino Fundamental Completo
Experiência mínima de 6 meses na carteira
Possuir curso de NR35
01 VAGA

SOLDADOR
Ensino Fundamental Completo
Experiência mínima de 6 meses na carteira
01 VAGA

PINTOR DE ESTRUTURAS METÁLICAS
Ensino Fundamental Completo
Experiência mínima de 6 meses na carteira
01 VAGA

Prefeitos de Ilhéus e Itabuna se reúnem para discutir estratégias e ações de governo


Bebeto Galvão, Augusto Castro, e Mário Alexandre.

Na tarde de segunda-feira (11), o prefeito Mário Alexandre e o vice Bebeto Galvão receberam a visita do prefeito Augusto Castro, eleito em Itabuna e correligionário no Partido Social Democrático (PSD). Na ocasião, os gestores discutiram ações em prol dos municípios e estratégias voltadas para o crescimento da região Sul da Bahia, que possui as duas cidades como principais vetores de desenvolvimento econômico e social.

“Para nós é uma honra ter um colega de partido, amigo e com os mesmos interesses na reconstrução da nossa região. Buscaremos parcerias jamais vistas em vários governos que passaram”, frisou Mário Alexandre. Augusto Castro, por sua vez, destacou a importância dos investimentos angariados para Ilhéus nos últimos quatro anos, que de acordo com ele demonstram a capacidade político-administrativa do chefe do Poder Executivo local.

“Quero agradecer a recepção do prefeito Mário Alexandre e dizer da importância de Ilhéus e Itabuna se unirem num projeto de desenvolvimento regional. Estamos tratando desse alinhamento, porque Mário tem realizado muito pela saúde, educação, ação social e saúde, principalmente nesse momento de pandemia”.

O gestor ilheense acrescentou que o trabalho articulado entre municípios vai atrair um pacote expressivo de recursos do ponto de vista econômico, comercial e industrial. “Que Deus nos dê muita sabedoria e saúde para que possamos estar unidos e trazer grandes investimentos com o governador Rui Costa, um grande parceiro da nossa região, os senadores Otto Alencar e Ângelo Coronel, os nossos deputados e todos que estejam dispostos a ajudar”.