Ilhéus: Prefeito Mário Alexandre renova pedidos ao Estado para avanços em infraestrutura


Prefeitos de Ilhéus e Itabuna, Mario Alexandre e Augusto Castro respectivamente, a secretaria Soane Galvão e o superintendente Saulo Fontes.

 

Em reunião na tarde desta última quinta-feira, 14, na Superintendência de Infraestrutura de Transportes (SIT) da secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia (Seinfra), o prefeito Mário Alexandre, acompanhado da secretária de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Soane Galvão, renovou mais uma vez as solicitações junto ao governo baiano para os avanços e melhorias de diversas obras de infraestrutura na cidade de Ilhéus. Sete solicitações foram protocoladas junto ao órgão para renovação e celebração de novos convênios entre a Prefeitura de Ilhéus e o Estado da Bahia.

Dentre os pedidos recebidos pelo Superintendente do SIT, Saulo Filinto Pontes de Souza, e encaminhados pelo prefeito Mário Alexandre ao titular da Seinfra do Estado, Marcos Cavalcante, estão a requalificação da iluminação do trecho da BA 415, Rodovia Jorge Amado, desde o Teotônio Vilela ao Hospital Regional Costa do Cacau; andamento na obra de duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna; execução do projeto da nova orla norte e requalificação da zona Norte de Ilhéus; pavimentação e iluminação da estrada que liga Ilhéus ao distrito de Couto; manutenção e iluminação da ponte Jorge Amado; celeridade na obra de manutenção e ampliação do Aeroporto Jorge Amado; e conclusão das obras do bairro gastronômico no Banco da Vitória.

“A reunião foi muito proveitosa pois o governo baiano nos assegurou que vai dar andamento nos pedidos e celeridade nas ações. Sabemos da importância dessas obras e ações estruturantes para a nossa cidade e o nosso povo, pois atrai investimentos, gera emprego e renda para os ilheenses, a exemplo do bairro gastronômico do Banco da Vitória, que reforçamos bastante os pedidos de andamento para o fomento do nosso turismo gastronômico e oportunidade de novos negócios locais. Continuamos trabalhando firme em favor da nossa amada cidade de Ilhéus e da nossa gente, que merece sempre o melhor”, destacou o prefeito Mário Alexandre.

Como contrapartida, o município já realizou encaminhamentos importantes para o Estado como as topografias do Couto, já concluída, e a da zona norte que está em execução e bem avançada. Ainda nesse ano de 2021, o governo da Bahia garantiu que começa a ser requalificada a iluminação que liga Ilhéus ao Banco da Vitória.

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro, também participou do encontro para apresentar solicitações.

Pandemia teve impactos diretos para bebês e crianças, diz estudo


A pandemia teve impacto na vida de bebês e crianças brasileiras: pobreza, subnutrição, falta de assistência em saúde e educação, além da perda da mãe, do pai ou de responsáveis para a covid-19. Diante da crise sanitária e econômica, as crianças deixaram até mesmo de ser vacinadas e, assim, cumprir o esquema previsto para a infância, ficando vulneráveis a diversas enfermidades. As informações fazem parte da Epicovid-19, pesquisa realizada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) em parceria com o Ibope.

Dados inéditos da Epicovid-19, a maior pesquisa epidemiológica sobre a doença feita no Brasil, são apresentados hoje (6), no 9º Simpósio Internacional de Desenvolvimento da Primeira Infância, realizado pelo Núcleo Ciência Pela Infância (NCPI). A pandemia teve impactos indiretos e diretos na vida das crianças. Até setembro deste ano, 867 crianças de até 4 anos e 194 crianças de 5 a 9 anos morreram no Brasil por covid-19. O estudo mostra ainda que também foram vítimas da doença 273 adolescentes de 10 a 14 anos e 808, de 15 a 19 anos.

“Temos que pensar em termos amplos, em políticas públicas de combate à pobreza, de estimulação intelectual, de assistência médica – por exemplo, as vacinações que foram perdidas -, de escolaridade, e assim por diante. Programas potencialmente efetivos como o Criança Feliz precisam ser revitalizados, pois a pandemia afetou marcadamente a frequência das visitas domiciliares visando a estimular a interação entre crianças e seus familiares”, defende o professor emérito de Epidemiologia na UFPel e coordenador do Epicovid, Cesar Victora.

Tanto a covid-19 quanto outras doenças infecciosas, em crianças pequenas, segundo Victora, são mais preocupantes, pois elas “têm um sistema imunológico imaturo e morrem mais do que crianças maiores devido a pneumonia, diarreia e muitas outras infecções”, diz.

De acordo com a pesquisa, as crianças também deixaram de ser vacinadas. Durante o período pandêmico, 22,7% das crianças mais pobres deixaram de ser vacinadas. Entre as mais ricas, o índice é de 15%. O maior impacto é o fato de que as crianças que já estão fragilizadas pela subnutrição resultante do aumento na pobreza, ficam ainda mais suscetíveis a outras doenças infecciosas que podem ser prevenidas pela imunização”, diz o coordenador do estudo.

O pesquisador defende uma atenção especial à infância e o reforço de políticas públicas: “Investir na primeira infância e minimizar os efeitos da pandemia é essencial para garantir não apenas a saúde das próximas gerações, mas também o capital humano que permitirá o desenvolvimento de nosso país nas próximas décadas”.

Nacionalmente, o Programa Criança Feliz é uma das principais iniciativas voltadas para a infância. O programa atende a famílias com crianças de até 6 anos. Por meio de visitas domiciliares às famílias participantes do Cadastro Único, as equipes do Criança Feliz acompanham e orientam o desenvolvimento delas.

Victora apresenta também dados de entrevista com participantes do programa Criança Feliz que mostram que 11% das crianças deixaram de ser vacinadas em setembro de 2020. Em janeiro de 2021, o índice foi para 10%. Além disso, 6% das grávidas faltaram às consultas pré-natais em setembro de 2020. Em janeiro, o percentual passou para 10%.

Ministério da Cidadania

Em nota, o Ministério da Cidadania diz que, em decorrência da necessidade de isolamento social, o atendimento remoto foi autorizado, e os visitadores do Criança Feliz passaram a desenvolver atividades por meio de videochamadas e encaminhar o conteúdo aos pais e responsáveis por meio de plataformas digitais.

“Em casos de famílias com dificuldade de acesso à tecnologia, os encontros presenciais foram mantidos, seguindo todos os protocolos de segurança. Eventualmente, as atividades foram entregues na porta da casa dos beneficiários e recolhidas posteriormente. Além de abordar temas relacionados à primeira infância, as visitas incluíram também informações e orientações para combater a covid-19”, diz a pasta.

De acordo com o ministério, em 2020 o programa bateu o recorde de 1,1 milhão de atendidos pelos 26 mil visitadores espalhados pelo país. Ao longo do ano, foram realizadas 40 milhões de visitas. Em agosto deste ano, ultrapassou a marca de 50 milhões de visitas e está presente nos lares de mais de 1,2 milhão de brasileiros.

Informações da Agência Brasil.

Senado aprova novo marco legal das ferrovias


O Senado aprovou hoje (5) um projeto de lei (PL) que cria um novo marco legal das ferrovias brasileiras. O texto trata de novos instrumentos de concessão ou autorização, além de exploração de ferrovias em regime privado, tanto em nível federal, quanto estadual e municipal. Na prática, são diretrizes para expansão do setor ferroviário no país. Agora, o PL segue para a Câmara.

O projeto sofreu alterações pelo relator, Jean Paul Prates (PT-RN), gerando um substitutivo. Ele prevê que o transporte ferroviário em regime de direito público pode ser executado diretamente por União, estados e municípios; ou, indiretamente, por meio de concessão ou permissão. Mas a execução direta do transporte ferroviário pela União ocorrerá apenas quando for necessário garantir a segurança e a soberania nacionais ou em casos de relevante interesse coletivo.

O uso da modalidade da autorização para a construção de novas ferrovias é a principal novidade do projeto. Nesse modelo, o Poder Público possibilita que o particular assuma o risco da operação ferroviária investindo em projetos de seu interesse. A proposta é diversa da concessão, na qual o investimento é bancado pelo Estado, buscando o atendimento dos seus interesses estratégicos.

“Nós estamos votando uma lei geral das ferrovias”, disse Prates. “Então, estamos regulando a inclusão das autorizações no mundo jurídico das ferrovias. E também a autorregulação. Ela não se sobreporá em momento algum à regulação setorial ferroviária. Ela se cinde aos aspectos técnicos e operacionais de um sistema ferroviário, nada mais. E ela, ainda assim, se sujeita à mediação final, caso haja conflitos, do órgão regulador. Mas é importante para dar agilidade a sistemas”, acrescentou ele durante a sessão.

O marco legal aprovado nesta terça-feira oferece a possibilidade de um operador ferroviário de passageiros contar com outros imóveis próximos à linha para ajudar na tarifa e diminuir a necessidade de subsídio estatal. Segundo Prates, trens de passageiros no mundo não se pagam apenas pela tarifa de uso dos passageiros. A ideia é que os serviços de transporte por trens dependam o mínimo possível de subsídio estatal.

* Com informações da Agência Senado

Itacaré permanece sem registro de casos ativos de Covid-19


Pela quarta semana consecutiva o município de Itacaré permanece sem o registro de nenhum caso ativo de Covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico semanal divulgado nesta sexta-feira(24) pela Secretaria de Saúde. Além disso, o município está a cerca de 60 dias sem registros de mortes por coronavírus. Mesmo assim, a Prefeitura de Itacaré continua intensificando todas as medidas de proteção e fiscalização para evitar a proliferação da doença, além de realizar a intensificação vacinal na sede e na zona rural.

Até o momento em Itacaré já foram aplicadas 22.742 doses das vacinas contra a Covid-19, sendo 15.593 pessoas imunizadas com a primeira dose e 7.149 com a segunda dose. E para vacinar um número cada vez maior de pessoas em todo o município de Itacaré contra a Covid-19, a Prefeitura, através da Secretaria de Saúde, que está realizando a aplicação da 3ª dose da vacina contra a Covid-19 para a população em geral acima de 70 anos que já tomou a 2ª dose a mais de seis meses.

Também está sendo aplicada a 3ª dose para o grupo populacional de imunossuprimidos que tomaram a 2ª dose a mais de 28 dias. A Prefeitura de Itacaré também continua com a vacinação da população em geral acima de 12 anos. Os integrantes desses grupos devem se dirigir à unidade de vacinação em Itacaré, que fica no Sindicato Rural, em frente ao colégio Maria Benjamina, das 8 às 12 horas e das 13h30min às 16 horas, de segunda a sexta-feira. Já em Taboquinhas a vacinação acontece no posto Maria de Lourdes, de segunda a sexta-feira, das 8 às 14 horas.

De acordo com o serviço de Vigilância Epidemiológica, a vacinação também acontecerá nas unidades de saúde, obedecendo a seguinte programação: nas segundas-feiras a imunização contra a Covid-19 acontecerá no bairro da Passagem, nas terças no posto da Rua da Linha, e nas sextas-feiras nas unidades de saúde do Bairro Novo e Marambaia.

Na zona rural a vacinação também está acontecendo nas unidades de saúde. Além do Posto Maria de Lurdes, no distrito de Taboquinhas, a imunização contra a Covid-19 está sendo realizada nas segundas-feiras nos postos Lia Nascimento e Jairo Carneiro e nas sextas-feiras no Posto de Saúde de Água Fria.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, destacou a importância de todos que estão nessa faixa ou façam parte desse público alvo compareçam aos locais de vacinação para a imunização contra a Covid-19. Também ressaltou que as pessoas que tomaram a primeira dose precisam retornar às unidades de vacinação.

Rui Costa autoriza realização de eventos com presença de até 1.100 pessoas


O governador Rui Costa liberou eventos com a presença de até 1.100 pessoas, na Bahia. A publicação foi feita no Diário Oficial desta quarta-feira (22) e é válida até 1ª de outubro deste ano.

A liberação é para eventos como cerimônias de casamento, eventos urbanos e rurais em locais públicos ou privados, circos, parques de exposições, formatura, feiras, passeatas e afins. Também está liberada a realização de eventos com venda de ingressos.

Esse decreto também é válido para monitorar a quantidade de pessoas em zoológicos, parque de diversões, museus e teatros.

De acordo com o decreto, para a realizar estes eventos, todos os envolvidos – entre artistas, público, equipe técnica e colaboradores – deverão comprovar ter tomado as duas doses de vacina ou dose única, através do documento de vacinação fornecido no momento da imunização ou do certificado obtido através do aplicativo Conect SUS, do Ministério da Saúde.

Além disso, todos os protocolos sanitários estabelecidos pelos municípios deverão ser respeitados, inclusive, o distanciamento e uso de máscaras.

Ainda conforme o decreto, fica autorizado também o funcionamento de academias e estabelecimentos voltados para a realização de atividades físicas, desde que a ocupação máxima seja limitada a 75% da capacidade do local.

Salvador: “Estamos prontos”, afirma Bruno Reis sobre realização do Festival da Virada e do Carnaval de 2022


A expectativa por grande parte dos soteropolitanos para a realização de algumas das festas mais aguardadas na capital baiana está alta, e ela deve aumentar após a fala do prefeito Bruno Reis (DEM), na manhã desta terça-feira (21). De acordo com o gestor, a prefeitura está preparada e com planejamento para fazer o Festival da Virada e o Carnaval de 2022.

“Eu tenho dito que o mês de outubro é o mês de tomarmos essa decisão. Nós estamos acompanhando o que está acontecendo no Brasil, no mundo, em outras cidades que já voltaram os eventos e estão voltando à normalidade. A normalidade é voltar à vida que nós tínhamos antes. Então, se a vacina vai permitir a gente viver como nós vivíamos antes, nós vamos poder ter Festival da Virada e Carnaval”, afirmou Bruno, durante a assinatura da ordem de serviço da obra de requalificação da Lagoa da Timbalada, situada na comunidade de Amazonas de Baixo, no bairro do Cabula, em Salvador.

O democrata disse ainda que está avaliando a variante Delta da Covid-19, os números de óbitos, fator RT e os novos casos ativos. O gestor garantiu que no mês de outubro vai iniciar a conversa com todos os envolvidos sobre a realização dos eventos, pois, segundo ele, é preciso tomar essa decisão. “Até porque não dá tempo de organizar um Festival da Virada e um Carnaval se passar dessa data”.

“Pela prefeitura, nós estamos prontos e planejados para fazer os dois eventos. Agora, o que vai determinar são as condições sanitárias. Sempre colocamos a vida e as pessoas em primeiro lugar”, pontuou o chefe do executivo, que defendeu a importância desses eventos não apenas para a geração de empregos.

“Se a gente tiver segurança e compreendendo a importância desses eventos, que não é só para a geração de emprego que ocorre durante a realização deles, mas também pelo o que eles conseguem movimentar economicamente na nossa cidade durante o ano todo e pela projeção que dá para Salvador no Brasil e no mundo. Com muita responsabilidade nós vamos tomar essa decisão, mas irei tomar ouvindo todos. […] todas as decisões que nós tomamos foram acertadas, em nenhuma delas tivemos que voltar atrás, pelo contrário, a gente vem avançando”, completou o prefeito Bruno Reis.

Salvador registrou 16 novos casos de Covid-19 e dez mortes pela doença, conforme o boletim epidemiológico divulgado na segunda-feira (20) pela Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab).

No total, a capital baiana acumula 235.704 infecções confirmadas desde o início da pandemia, com 7.970 óbitos pela doença. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com coronavírus está em 23%.

Informações da Rádio Sociedade da Bahia.

Ilhéus começa a vacinar adolescentes de 12 a 17 anos nesta segunda (20); confira estratégia


A Prefeitura de Ilhéus inicia na próxima segunda-feira (20) a vacinação contra a Covid-19 para adolescentes com idade entre 12 e 17 anos, independente de terem ou não comorbidades ou deficiência permanente. A estratégia também contempla a aplicação da 2ª dose de todos os imunizantes para pessoas com data marcada até 20 de setembro e 3ª dose (dose de reforço) para idosos de 80 anos ou mais que receberam a segunda dose há pelo menos seis meses. Pessoas imunossuprimidas que já completaram 28 dias da segunda dose também podem buscar os pontos de imunização.

A Secretaria de Saúde (Sesau) informa que os adolescentes deverão estar acompanhados pelos pais ou responsável maior de idade durante o ato da vacinação. É necessário que o adulto apresente documento de identificação com foto. A imunização do público com 18 anos ou mais será retomada posteriormente.

A 1ª dose para os adolescentes e a dose de reforço serão ministradas exclusivamente nas unidades de saúde, já a 2ª dose de todos os imunizantes estará disponível somente na Cruzada do Bem pelo Bem, de acordo com horários específicos. A estratégia segue normalmente em todas as unidades, com exceção da UBS do Banco da Vitória, que passa a aplicar a vacina contra a Covid-19 somente às terças e quintas-feiras, das 8h às 11h30.

A decisão de manter a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos está respaldada em reunião da Comissão Intergestores Bipartite da Bahia (CIB-BA), ocorrida na sexta-feira (17). A medida recomenda a imunização dos adolescentes acima de 12 anos, com ou sem comorbidades, em todo o estado.

Documentação – Para tomar a 1ª dose o público deve portar CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação, caso possua. Já para receber a 2ª dose é imprescindível a apresentação do CPF, cartão SUS e cartão de vacinação constando a primeira aplicação.

A dose de reforço será aplicada mediante apresentação do CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação constando as duas aplicações. Os imunossuprimidos também devem apresentar o laudo ou relatório médico que comprove a comorbidade.

Vacine-se! Vacina salva vidas!

Locais:

– Cruzada do Bem pelo Bem

Endereço: Rua Teodoro Sampaio – Boa Vista (próximo ao Ginásio de Esportes Herval Soledade)

Horário: Das 8h às 14h

– Unidades de Saúde

Módulo Sul:

– ESF Nossa Senhora da Vitória, das 13h às 15h30;

– ESF do Ilhéus II, UBS do Hernani Sá e UBS de Olivença, das 8h às 11h30;

– UBS do Nelson Costa, das 13h às 16h

Módulo Norte:

– UBS Sarah Kubitscheck, das 13h às 16h30

– UBS Avenida Esperança, das 8h às 11h30

Módulo Centro:

– UBS Conquista, UBS Santa Dulce dos Pobres (Avenida Princesa Isabel) e ESF do Basílio, das 8h às 11h30;

– CAE III (antigo Sesp), das 13h às 16h30

Módulo Oeste:

– UBS Euler Ázaro e ESF do Salobrinho, das 8h às 11h30;

– UBS do Banco da Vitória, apenas às terças e quintas-feiras, das 8h às 11h30

Itacaré continua sem registro de nenhum caso ativo de Covid-19


Foto aérea de Itacaré. Imagem de Cesar Dias.

O município de Itacaré permanece sem nenhum caso ativo de Covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico semanal divulgado nesta sexta-feira(17) pela Secretaria de Saúde. Essa é a terceira semana que Itacaré não registra casos ativos de Coronavírus. Além disso, o município está a mais de 50 dias sem registros de mortes por coronavírus. Mesmo assim, a Prefeitura de Itacaré continua intensificando todas as medidas de proteção e fiscalização para evitar a proliferação da doença, além de realizar a intensificação vacinal na sede e na zona rural.

Até o momento em Itacaré já foram aplicadas 21.320 doses das vacinas contra a Covid-19, sendo 15.032 pessoas imunizadas com a primeira dose e 6.288 com a segunda dose. E para vacinar um número cada vez maior de pessoas em todo o município de Itacaré contra a Covid-19, a Prefeitura, através da Secretaria de Saúde, que está realizando a aplicação da 3ª dose da vacina contra a Covid-19 para a população em geral acima de 70 anos que já tomou a 2ª dose a mais de seis meses.

Também está sendo aplicada a 3ª dose para o grupo populacional de imunossuprimidos que tomaram a 2ª dose a mais de 28 dias. A Prefeitura de Itacaré também continua com a vacinação da população em geral acima de 17 anos, além de gestantes, puérperas e adolescentes entre 12 e 17 anos com comorbidade.

Os integrantes desses grupos devem se dirigir à unidade de vacinação em Itacaré, que fica no Sindicato Rural, em frente ao colégio Maria Benjamina, das 8 às 12 horas e das 13h30min às 16 horas, de segunda a sexta-feira. Já em Taboquinhas a vacinação acontece no posto Maria de Lourdes, de segunda a sexta-feira, das 8 às 14 horas. As pessoas desse público alvo com comorbidades devem se dirigir aos locais de vacinação com documento com foto, cartão SUS atualizado ou CPF, comprovante de residência e relatório médico com cópia.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, destacou a importância de todos que estão nessa faixa ou façam parte desse público alvo compareçam aos locais de vacinação para a imunização contra a Covid-19. Também ressaltou que as pessoas que tomaram a primeira dose precisam retornar às unidades de vacinação.

Turista morre ao cair de terceiro andar de hotel em Ilhéus


Polícia Civil de Ilhéus instaurou inquérito que constatou que caso se tratou de acidente — Foto: Reprodução/TV Santa Cruz.

Uma turista de São Paulo morreu na quarta-feira (15), três dias após cair do parapeito do terceiro andar de um hotel de Ilhéus, no sul da Bahia. A polícia informou que o caso se tratou de um acidente.

A vítima foi identificada como Ana Margarete Duarte, de 53 anos, e estava hospedada com o marido no local.

Ele estava no quarto, enquanto a mulher estava na área da piscina, na cobertura do prédio. Segundo o dono do hotel, no domingo (12) , os óculos da vítima caíram e ela debruçou no parapeito para pegar e acabou caindo de uma altura de sete metros.

A queda chegou a ser amortecida por uma árvore na área do hotel, e a vítima caiu próximo a recepção. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e socorreu a mulher.

Ela foi levada para o Hospital Regional Costa do Cacau, onde passou por uma cirurgia e ficou internada na UTI, em estado grave. A mulher não resistiu e morreu na quarta-feira.

Segundo informações da Polícia Civil, foi instaurado um inquérito e testemunhas prestaram esclarecimento. As investigações e as imagens do circuito interno de segurança confirmaram que ela subiu no parapeito, se desequilibrou e caiu.

O casal havia comprado um pacote de hospedagem para ficar na cidade entre 11 e 18 de setembro.

Ilhéus: Policlínica Regional será construída no terreno da antiga Petrobras


Terreno, antiga Petrobras fica em frente ao Supermercado Itão.

O Governo do Estado decretou de Utilidade Pública para fins de desapropriação, a área de 14 mil metros quadrados da antiga Petrobrás, na avenida Milton Santos, Tapera, zona norte de Ilhéus, para a implantação de uma Policlínica Regional de Saúde. A unidade que atenderá a média e alta complexidade visa descentralizar a assistência, regionalizando o atendimento ao cidadão.

A notícia é boa, já que contempla, com novos serviços, a saúde pública do município. No entanto, um detalhe chama a atenção no decreto recentemente publicado: o espaço onde funciona o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico em Informática e Eletroeletrônica de Ilhéus (Cepedi), que está inserido na área desapropriada, não tem a registrada a garantia de sua continuidade.

Na sessão de hoje (14), o diretor executivo do Cepedi, José Alfredo, foi o convidado da vereadora Enilda Mendonça (PT) para falar sobre o momento e a importância da entidade para o desenvolvimento do município. Fundado em 2002, o Cepedi surgiu com o objetivo de fornecer e capacitar mão de obra para atender o Pólo de Informática de Ilhéus. Organização de base tecnológica, nestes 19 anos atendeu mais de 50 empresas, com soluções que rodam em outros países, como México, Vietnã e Estados Unidos. O Cepedi continua tendo sua importância no polo, com soluções de grandes impactos. E atende, também, cursos tecnológicos da Universidade Estadual de Santa Cruz e de faculdades privadas da região. “Antes os egressos terminavam a graduação e iam trabalhar em outros centros, justamente por não existir um polo que pudesse contribuir com seu o talento. Agora já não é mais assim”, assegura o diretor executivo do Cepedi. Hoje a entidade conta com mais de 60 colaboradores entre contratados e bolsistas.

“Precisamos cobrar do governo do estado que altere o decreto de desapropriação e inclua e garanta o Cepedi na área onde já está funcionando – e bem”, destaca a vereadora Enilda. Nesse sentido, a parlamentar apresentou um requerimento para que o estado reconheça a necessidade de manutenção do espaço onde já funciona há muitos anos. O documento foi subscrito pelos vereadores Jerbson Moraes (PSD), Fabrício Nascimento (PSB), Sérgio do Amparo (Podemos), Edvaldo Neto (DEM), Ederjúnior dos Anjos (PSL), Aldemir Almeida (PP), Cláudio Magalhães (PCdoB), Ivete Maria (DEM), Ivo Evangelista (Republicanos), Augustão (PT) e Baiano do Amendoim (PSDB). Enilda lembra que quando o município de Ilhéus passou a responsabilidade da presidência do Conselho do Cepedi à Ceplac, também houve a cessão da parte do terreno para instalação do Centro de Pesquisa. Em parceria da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação com a UESC foi instalado o espaço Colaborar, que está pronto para ser inaugurado.

A Câmara de Ilhéus é uma das instituições sócio-fundadoras do Cepedi, ao lado da UESC, Prefeitura Municipal, Sindicato das Elétricos Indústrias de Aparelhos Eletrônicos, Computadores, Informática e Similares de Ilhéus e Itabuna (Sinec), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Associação Comercial e Industrial de Ilhéus.