Itororó: Trio invade loja e rouba equipamentos eletrônicos


Sistema de segurança mostra ação dos bandidos.

Dois homens e uma mulher invadiram uma loja que vende eletrodomésticos e roubaram cerca de 10 celulares, tabletes e caixas de som na manhã desta quinta-feira (21), na cidade de Itororó, região sul da Bahia. Conforme a Polícia Civil, ninguém foi preso.

Segundo uma funcionária do estabelecimento, um casal entrou no local e o homem armado anunciou o assalto por volta das 8h. Imagens de câmeras de segurança flagraram quando os criminosos pegaram a chave da vitrine e recolheram as mercadorias.

As imagens também mostram que o trio sai andando da loja e depois entra em um carro que esperava na esquina da rua. Duas funcionárias estavam presentes no momento do assalto, não foram feridas.

Um boletim de ocorrência foi aberto na delegacia e a polícia investiga o crime.

Vídeo:

Itabuna: PM frustra roubo, liberta reféns e recupera celulares e moto


Dois homens foram presos em flagrante com uma arma de fogo por volta das 8h30 desta quarta-feira (20), no momento em que faziam reféns os funcionários de uma loja de aparelhos celulares e eletrônicos na Avenida Juracy Magalhães, centro do município de Itabuna. Policiais militares fizeram o cerco do estabelecimento, prenderam os acusados, libertaram os reféns e recuperaram 35 celulares roubados, além da moto com restrição de roubo que eles utilizavam.

Uma guarnição da Rondesp Sul foi acionada pelo Cicom – devido à proximidade em que se encontrava do local -, com a informação de um dos funcionários da loja que contou ter visto dois indivíduos com capacete, um deles usando a farda da Coelba, entrando no estabelecimento. Depois disso, o denunciante contou que não estava conseguindo entrar no local.

Ao perceber que havia reféns dentro da loja, imediatamente os policiais militares isolaram as imediações e realizaram o cerco. Guarnições do 15º Batalhão e do Esquadrão de Polícia Montada de Itabuna também foram acionadas para apoio e participaram da ação integrada. A guarnição da Rondesp Sul entrou no estabelecimento de dois andares e libertou três reféns amarrados no térreo. Os indivíduos estavam no andar de cima com mais um refém, quando houve a negociação mediada pelo tenente coronel Marinho, comandante da Rondesp Sul. Após alguns minutos, os pms conseguiram render os acusados e libertar o último refém.

Com eles foram apreendidos, além de 35 celulares, um revólver calibre 38 com três cartuchos e a moto que eles utilizariam na fuga com restrição de roubo. Os indivíduos e todo material recuperado foram encaminhados e apresentados na 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpim).

Vídeo que circula nas redes sociais, mostra a prisão dos dois meliantes:

Nova portaria muda regras para PRF atuar em operações conjuntas


O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) publicou hoje (19), no Diário Oficial da União (DOU), uma nova portaria que estabelece diretrizes para a atuação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em operações conjuntas com outros órgãos federais, estaduais e municipais.

A portaria (42/2021) substitui outra (739/2019) que chegou a ser suspensa em janeiro do ano passado pelo então presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, enquanto ele estava responsável pelo plantão judicial.

À época, Toffoli atendeu pedido da Associação de Delegados da Polícia Federal (ADPF), para quem a norma autorizava a PRF a realizar investigações e atuar na prevenção e repressão a crimes federais, o que seria competência exclusiva da PF, no entender dos delegados.

A suspensão acabou depois derrubada pelo relator do caso, ministro Marco Aurélio, que atendeu pedido da Advocacia-Geral da União (AGU) e restabeleceu a vigência da portaria. Essa decisão foi depois confirmada pelo plenário do Supremo.

Agora, contudo, a nova portaria, que substitui a antiga, passa a não trazer menção à participação da PRF em operações conjuntas caso “os crimes objetos de apuração tenham sido praticados em rodovias federais, estradas federais ou em áreas de interesse da União”.

A norma – publicada nesta terça-feira (19) – tampouco elenca a “investigação de infrações penais” entre as hipóteses que autorizam a PRF a prestar apoio operacional, conforme constava na norma anterior.

Outras diferenças

A antiga portaria (739/2019) estabelecia diretrizes para a PRF atuar em operações conjuntas com órgãos do Ministério Público, da Receita Federal e do Sistema Único de Segurança Pública (Susp) – como PF, Força Nacional e polícias Civil e Militar dos estados.

Agora, o novo texto inclui no rol de cooperação, além dos integrantes do Susp, “outros órgãos das esferas federal, estadual, distrital ou municipal”, sem especificar quais.

Outro trecho suprimido foi o que circunscrevia a atuação da PRF a “operações conjuntas nas rodovias federais, estradas federais ou em áreas de interesse da União”, conforme constava na antiga portaria. Agora, a nova norma estabelece diretrizes para a atuação do órgão somente em “operações conjuntas”, sem fazer referência a local.

Outro trecho da antiga norma, agora revogada, autorizava a PRF a atuar, especificamente, “em vias urbanas, rodovias, terminais rodoviários, ferrovias e hidrovias federais, estaduais, distrital ou municipais, portos e aeroportos”.

Novamente, a nova portaria não traz esse tipo de especificação, estabelecendo como condição para a atuação do órgão em operações conjuntas apenas a autorização de seu diretor-geral, que deve considerar “a pertinência, a conveniência e a necessidade da medida”.

Pela nova portaria, a PRF pode: designar efetivo para integrar equipes na operação conjunta; prestar apoio logístico; atuar na segurança das equipes e do material empregado; ingressar nos locais alvos de mandado de busca e apreensão, mediante previsão em decisão judicial; lavrar termos circunstanciados de ocorrência; e praticar outros atos relacionados ao objetivo da operação conjunta.

Mobilização policial resulta em apreensão de maconha e cocaína em Ilhéus


Depois de denúncia anônima de tráfico de drogas, uma operação conjunta entre a 68, 69 e 71 CIPM, resultou na mobilização de policiais e abordagem de veículos no município de Ilhéus, nesta segunda-feira (18).

Segundo informações policiais, guarnições abordaram um veículo Fiat Pálio, cor azul, placa policial JMX 6333, Una – Bahia, e com dois indivíduos na Rua Santarém, próximo ao Colégio Catalão, bairro da Conquista.

Durante a vistoria no veículo, foram encontrados três tabletes de substância similar a maconha pesando aproximadamente 2,325Kg, 01 tablete de substância similar a pasta base de cocaína pesando aproximadamente 203g, além de dois celulares.

Os dois indivíduos presos, além do material apreendido, foram apresentados na DT de Ilhéus /BA- 7a. COORPIN

Ilhéus registra mais um homicídio na Central de Abastecimento


Foto ilustrativa.

O mês de janeiro começou violento em Ilhéus, com inúmeros homicídios. Nesta sexta-feira (15), mais um homicídio foi registrado na Central de Abastecimento do Malhado.

A Polícia Civil foi acionada por volta das 20h30, e encontrou o corpo de um homem em decúbito ventral, com perfurações de arma de fogo na cabeça, nádegas e pernas.

O Departamento de Polícia Técnica esteve no local e fez o levantamento cadavérico. Durante a perícia, foi encontrado uma peteca de cocaína na bermuda da vítima.

Segundo informações policiais, a vítima foi identificada como sendo de Adriano Santos Silva. Segundo informações de populares, a vítima devia dinheiro ao tráfico de drogas do Alto do Coqueiro.

O Núcleo de Homicídio da Polícia Civil está investigando o caso, e já obteve vídeos de segurança instalados na Central de Abastecimento do Malhado, para identificar os autores.

Ilhéus: Polícia Militar apreende arma e drogas na Rua Santarém


A 68ª CIPM desencadeou uma operação para realizar flagrante de posse de arma e tráfico de drogas.

Por volta das 20h de ontem, quinta-feira (14), os policiais foram informados de que um indivíduo estaria armado na localidade da Rua Santarém. Os policiais abordaram o meliante, que foi encontrado em posse de um revólver calibre 38. Durante a ação, o meliante acabou informando que na residência dele havia uma certa quantidade de drogas.

Na residência foram encontrados 782 gramas de pasta base, 64 gramas de maconha, R$500,00 , 1 balança de precisão, 1 revólver cal. 38, marca Modelo Rossi n° J044535,munições intactas,munições picotadas.

O material apreendido e o indivíduo flagranteado foram apresentados na DT de Ilhéus /BA- 7a. COORPIN

Casal flagrado em blitz com cerca de 85 kg de maconha


Cerca de 85 quilos de maconha prensada foram apreendidos com um casal, na manhã desta quinta-feira (14), em uma abordagem de rotina, na cidade de Itabuna. O flagrante da Companhia Independente de Polícia Rodoviária (CIPRv) e da PRF aconteceu durante blitz.

Conforme explicado pelo comandante da CIPRv, major Edson Brito Júnior, os entorpecentes estavam em um veículo modelo Astra. “As equipes desempenhavam a fiscalização, na BR 101, KM 508, quando solicitaram a parada do veículo. Durante as buscas encontraram os tabletes no carro”, disse o oficial.

Além dos entorpecentes, foram apreendidos uma pistola calibre 32, um carregador, munições e R$ 230. A dupla foi encaminhada para a 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Itabuna.

Polícia prende suspeito de comandar maior assalto da história de SC, criar ‘novo cangaço’ e roubar aviões e carros-fortes


Policiais civis da 5ª Delegacia de Polícia de Investigações sobre Furtos e Roubos a Bancos (Deic) prenderam um homem identificado como David Marques dos Santos, de 45 anos, apontado como um dos principais envolvidos nos mais audaciosos roubos no Brasil e Paraguai, nesta manhã (13), em Limeira.

O preso é especialista em invasões e explosões de empresas de transportes de valores, agências bancárias e aviões pagadores. Também um dos implementadores da formação de bandos para atacarem cidades, modalidade conhecida como “novo cangaço”.

A equipe sempre manteve o criminoso sob investigação. Mesmo com as poucas informações sobre o suspeito foi possível identificar um imóvel usado por ele. O local acabou cercado e não teve resistência por parte do procurado durante a prisão. A casa foi inspecionada. Nenhum tipo de armamento ou explosivo foi encontrado no local.

Ele estava foragido desde 2014, quando foi resgatado por integrantes da quadrilha do Centro de Detenção Provisória de Franco de Rocha, na Grande São Paulo. O estabelecimento prisional foi atacado por indivíduos armados de fuzis. Ele conseguiu fugir e permaneceu solto até hoje.

As apurações apontam sua participação nos roubos de malotes em aviões pagadores nos aeroportos de Blumenau, em Santa Catarina, e Viracopos, em Campinas, em 2019. Numa das ações ele perdeu o irmão durante troca de tiros.

Ele também é suspeito de participar de interceptações de 3 carros-fortes na rodovia dos Tamoios, em Paraibuna, no Vale do Paraíba.

Em 2016 o “assaltante fantasma” se envolveu no ataque a uma transportadora de valores em Santo André, no Grande ABC, e na cidade de Santos, além de liderar a invasão a uma base de transporte de valores no Paraguai, considerado o maior roubo ocorrido até então naquele país.

O preso também é um dos precursores do “novo cangaço” e, nos anos 2000, já era investigado por invasões em bando de cidades no interior da Bahia, Pernambuco e Maranhão. Os alvos eram agências bancárias e casas lotéricas.

Vídeo: Ousadia e ação cinematográfica marcam assalto a banco em Criciúma

Ilhéus: Tiroteio na Gamboa deixa um morto e um ferido


Tiago foi morto durante o tiroteio. Foto Redes Sociais.

No início da manhã deste sábado (09), moradores da Rua São José, escadaria da Gamboa, bairro da Conquista, foram surpreendidos por um tiroteio. Segundo informações policiais, no local foi encontrado um corpo em decúbito ventral, com várias perfurações de arma de fogo, vestido com um short estampado, camisa rosa e descalço.

A Polícia Civil identificou a vítima como sendo Tiago Soterio dos Santos, residente no Alto da Tapera.

Ainda segundo informações policiais, um outro homem identificado João Eduardo, foi alvejado e socorrido por familiares para o Hospital Costa do Cacau, onde passou por cirurgia, e ficou impossibilitado de ser ouvido pelos policiais. A polícia investiga a participação de João no tiroteio.

Segundo informações, Tiago esteve no dia 01/01 na localidade da Gamboa e atentou contra a vida de João Eduardo.

A suspeita é que o tiroteio tenha ligação com conflitos entre facções criminosas, que vem aterrorizando os ilheenses, e deixando um grande número de pessoas mortas.

Líder de facção e autor de morte de menina de 2 anos é encontrado na Bahia


O líder de uma facção envolvida com tráfico de drogas, no Espírito Santo, e autor da morte de uma menina de 2 anos, na cidade capixaba de Linhares, foi localizado, na noite de sexta-feira (8), na Bahia. Equipes da Cipe Mata Atlântica e da Rondesp Sul encontraram o criminoso, na cidade de Teixeira de Freitas.

Os militares receberam uma denúncia anônima sobre onde estaria o foragido e foram até o bairro de Colina Verde. Sabendo das características do traficante, guarnições fizeram varreduras e localizaram o homem próximo de um imóvel.

Na tentativa de abordagem, o criminoso efetuou disparos com arma de fogo e acabou ferido, no confronto. Ele foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Uma submetralhadora calibre 9mm, carregador e munições foram apreendidos.

O traficante estava foragido desde o dia 2 de dezembro do ano passado, quando ele e comparsas mataram Sandra dos Santos Calixto, 45 anos, e Heloísa Dias Nascimento, 2 anos. Uma adolescente de 15 anos também foi atingida por disparos de arma de fogo, mas sobreviveu.