Sindicatos de Ilhéus declaram apoio a Marão e Bebeto


O candidato à reeleição para prefeito de Ilhéus, Marão (55) e seu vice, Bebeto, reuniram-se com representantes sindicais de Ilhéus, nesta sexta-feira (23). Durante o encontro, líderes dos trabalhadores declararam apoio à campanha que está empolgando a cidade e chamaram atenção para a facilidade que hoje têm em dialogar com o poder público municipal.

Estiveram presentes representantes do Sindicato dos Comerciários, Sindtaxi, Sindicato dos Servidores Públicos, Sindicato dos Portuários, Sindicato dos Rodoviários, Sindhotel, Sindpoc Bahia, Sintepav, Sindicato dos Padeiros, Sindicato dos Arrumadores, Sindicato dos Fisioterapeutas, Sindicato de Pesca, e a Força Sindical.

Bebeto Galvão destacou a importância da luta dos sindicatos e trabalhadores na história do Brasil e se comprometeu como vice-prefeito a dar continuidade à parceria do município com os setores sindicais. “No nosso governo, o diálogo será o ponto principal, iremos ouvir os grupos, as demandas da população e atender o que couber ao município. Participei de lutas sindicais, conheço essa realidade de perto. Eu e Mário vamos construir uma cidade ainda mais justa, caminhando ao lado das categorias”, ressaltou.

Diálogo e parceria

Para facilitar a relação e o diálogo com os sindicatos, Marão vai criar um departamento específico vinculado ao gabinete para prestar assistência diretamente aos representantes dos setores. “Na próxima gestão, iremos intensificar a parceria com os sindicatos, com a prefeitura de portas abertas e reuniões periódicas com cada setor para o exercício de uma boa gestão. Essa ação será fundamental para o trabalho continuar funcionando”, destacou.

O presidente do Sinsepi, Joaques Silva (Joca), ressaltou as conquistas que os servidores tiveram durante a atual gestão, após anos de sofrimento. “O nosso setor nunca foi valorizado, Marão abriu a porta da prefeitura para o diálogo conosco, ouviu as nossas demandas, concedeu aumento salarial, isonomia do ticket-alimentação, equipamentos e fardamentos novos para o servidor público municipal. Nós não queremos voltar à situação que vivíamos nos governos anteriores”, enfatizou o sindicalista.

Professor Reinaldo demonstra força política em encontro com a Deputada Talita Oliveira


Seguindo as normas de Segurança, ocorreu na noite desta quinta-feira(22), no Sindicato Rural de Ilhéus, um encontro político organizado pelo Professor Reinaldo (14) e seu vice Júnior da Construfort, com a presença dos candidatos a vereadores e vereadoras do PTB(14), lideranças do setor produtivo e trabalhadores para ouvirem o apoio e aliança da Deputada Estadual Talita Oliveira (PSL) com o projeto liderado pelo Professor Reinaldo (14).

Ilheense como se apresenta, por ter vivido aqui há 18 anos e possuir ainda residência no Savóia, a Deputada Talita Oliveira (PSL) conhece bem a realidade de Ilhéus e a necessidade do desenvolvimento econômico e social de Ilhéus e região. “Como representante do Governo Bolsonaro na Bahia, não podia deixar de me posicionar na minha cidade, por isso estou aqui apresentado meu apoio e celebrando uma aliança com o Professor Reinaldo (14) e Júnior da Construfort, pois são os melhores e mais preparados para libertar Ilhéus desse atraso que perdura há mais de vinte anos”, declarou de forma emocionada a Deputada Talita Oliveira.

Durante o encontro, o Presidente Nacional do PTB14, Roberto Jefferson, ligou para o Professor Reinaldo(14) e reafirmou ao público presente o apoio dele e da Nacional do Partido à candidatura do Professor Reinaldo (14) e enalteceu as qualidades e capacidade do Professor Reinaldo(14) para governar Ilhéus e liderar a libertação da região no movimento de mudanças e resgate dos valores morais e patrióticos que os brasileiro tem buscado.

Para o Professor Reinaldo(14), “este encontro foi uma benção, como tem sido nossa caminhada. Estamos trazendo a Esperança de volta aos ilheenses, vamos transformar Ilhéus em uma cidade de prosperidade, valorizando quem produz e quem trabalha Com apoio e aliança que aqui celebramos com a Deputada Talita Oliveira, somado com o apoio do nosso Presidente Nacional, Roberto Jefferson, traremos investimentos do Governo Federal para o turismo, agronegócio e infra-estrutura, e assim, vamos tornar ilhéus em canteiro de obras para gerar emprego e renda, tornando uma cidade de todos e para todos, declara o Professor Reinaldo (14).

Valderico Junior apresenta o programa Prefeitura Digital


O empresário Valderico Junior, candidato a prefeito de Ilhéus pelo DEM (25), destacou o programa Prefeitura Digital como uma estratégia de modernização dos serviços municipais. “Nós vamos começar com a digitalização do setor tributário, que precisa entrar finalmente no século XXI”.

“Quanto tempo você perde para tirar uma nota fiscal na Prefeitura de Ilhéus? Hoje funciona assim: o contribuinte vai ao setor de tributos, espera na fila e pede a nota. Na sequência, espera uma hora para pagar o boleto. Com o documento pago, ele tem que voltar à prefeitura para receber a nota fiscal propriamente dita. Detalhe: hoje o serviço só funciona das 12h às 16h”, explicou Junior.

“Com o programa Prefeitura Digital, o contribuinte vai fazer todo esse procedimento pela internet, de forma prática e rápida”, concluiu Valderico Junior.

Governo prorroga até 15 de novembro decreto que proíbe aulas na Bahia


Aulas nas unidades de ensino das redes pública e privada seguem suspensas em toda a Bahia. O Governo do Estado decidiu prorrogar o decreto nº 19.586, que venceria neste domingo (25), e alterou de 100 para 200 o número máximo de pessoas em eventos.

A prorrogação, que será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (24), vale até o dia 15 de novembro. A publicação também revoga o trabalho remoto de servidores que tenham 60 ou mais anos de idade.

Conforme o decreto, estão proibidas as atividades com público superior a 200 pessoas, como shows, eventos religiosos, feiras, apresentações circenses, eventos científicos e passeatas.

Ilhéus: Moradores do NSV acusam vereador de destruir material de campanha de concorrentes


Moradores acusam vereador Paulo Meio quilo de retirar propaganda de outros candidatos.

 

O clima azedou e aumentou a impopularidade do vereador Paulo Meio Quilo (DEM), no bairro Nossa Senhora da Vitória, zona sul de Ilhéus.

Moradores, por intermédio da redes sociais, acusam o vereador de retirar e destruir material de campanha de residências de outros candidatos a vereadores.

Uma das moradoras postou que está revoltada com o ato antidemocrático do vereador Paulo Meio Quilo, de retirar de uma casa um cartaz que não era dele, e afirmou que o vereador não fez nada pelo bairro quando pôde durante o mandato.

Um vídeo e áudios que circulam nas redes sociais mostram cartazes rasgados, e moradores acusando o próprio vereador pelos atos de vandalismos.

 

Prefeito de Ilhéus decreta ponto facultativo nesta segunda-feira; feriado do servidor é transferido para sexta-feira (30)


Prefeito Mário Alexandre.

 

O prefeito Mário Alexandre transferiu, em caráter excepcional, o feriado do servidor público, comemorado em 28 de outubro, para a sexta-feira (30). O decreto ainda estabelece ponto facultativo nesta segunda-feira (26), em comemoração alusiva ao dia do comerciário, nas repartições públicas municipais, ressalvados os serviços e as atividades considerados de natureza essencial, bem como as áreas da saúde, educação, limpeza urbana, iluminação pública e da Segurança Pública.

Prefeitura de Ilhéus inicia pavimentação na Central de Abastecimento do Malhado; serviço também segue no Teotônio Vilela


Após a construção da rede de drenagem para auxiliar o escoamento de água da chuva na Central de Abastecimento do Malhado, a Prefeitura de Ilhéus iniciou na quinta-feira (22) o serviço de recuperação do piso, com pavimentação asfáltica no espaço onde as barracas estavam instaladas.

O prefeito Mário Alexandre visitou o Teotônio Vilela na quarta-feira (21) para conferir a conclusão da pavimentação asfáltica nas ruas Copacabana, Campo Verde e na Rua da Felicidade. O trabalho também já foi finalizado em outros oito logradouros: ruas Belo Horizonte; São José; Nova Esperança; José Edno; Fábio Araripe; Rua do Silêncio; Travessa Airton Sena e acesso ao Residencial Vilela.

As ruas Genésio Santos e Nova Esperança ainda receberão a camada de asfalto. “Esse é o nosso compromisso, promover melhorias na acessibilidade. O asfalto era um sonho antigo da população em diversas localidades de Ilhéus. Com planejamento e responsabilidade atendemos as demandas mais urgentes, tirando várias famílias da lama e da poeira”, frisou o prefeito.

Sete ruas do Teotônio Vilela foram contempladas na primeira etapa do programa Asfalto Legal: ruas José Petrúcio, São Cristóvão, Nossa Senhora Aparecida, São José, Airton Sena, Joana D’Arc e Leonardo Alves. “Moro aqui há mais 20 anos, algumas ruas nem existiam no mapa do bairro. Ver esse progresso hoje é maravilhoso”, comentou a moradora Elza Ferreira.

Conforme a Administração Municipal, a obra de requalificação da Central de Abastecimento faz parte do pacote de investimentos planejado para levar segurança e conforto aos frequentadores e comerciantes de diversos setores que atuam no local.

Foragido da justiça morre em confronto durante operação policial


 

Uma operação conjunta entre a Polícia Civil de Maraú e a Rondesp Sul localizou na manhã desta quinta-feira (22), no distrito de Maraú, o meliante Joades Guimarães dos Santos, vulgo Átila, a fim de dar cumprimento de mandado de prisão expedido pela Vara do Júri de Itabuna.

Ao perceber a presença e a movimentação policial, o meliante atirou contra os agentes. No revide, o meliante foi alvejado, sendo socorrido para o posto médico de Barra Grande, onde foi constatado o óbito.Com o meliante, foram encontrados um revólver 38.
Ocultar texto das mensagens anteriores

Segundo informações policiais, Joades também era investigado como autor/partícipe de homicídios em Barra Grande e comandava o tráfico de drogas no bairro Mangue Verde, na mesma localidade.

Regra do farol baixo em rodovias foi alterada e começa a valer em 2021


Foi publicada na semana passada, no Diário Oficial da União, a Lei 14.071/20, que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e define novas regras para os condutores. Uma das principais mudanças está no uso do farol baixo, durante o dia, nas estradas. A partir da entrada em vigor da nova lei, a norma valerá apenas em rodovias de pista simples.

O que diz a lei atual

Hoje, o CTB diz que é obrigatório o uso da luz baixa, durante o dia, nas rodovias. A norma não distingue o tipo de estrada. Quem não cumpre a regra comete infração média, com quatro pontos na CNH e multa de R$ 130,16.

O que vai mudar?

A partir de abril de 2021, os veículos que não estiverem equipados com luz diurna (DRL) deverão usar o farol baixo aceso, mesmo durante o dia, nas rodovias de pista simples situadas fora dos perímetros urbanos, sob pena de cometer infração média. A luz diurna será incorporada progressivamente aos novos veículos fabricados no país ou importados, na forma e nos prazos estabelecidos pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

DRL

A DRL, sigla de Daytime Running Lamp (Lanterna de Rodagem Diurna), tem ganhado cada vez mais espaço na indústria automotiva, especialmente após a publicação da resolução 667, do Contran, que determina a obrigatoriedade do dispositivo em veículos produzidos a partir de 2021. Diferente do farol baixo, que precisa ser acionado pelo condutor, a DRL acende automaticamente, assim que o veículo é ligado.

Segurança

De acordo com estudos internacionais, a adoção da DRL tem salvado muitas vidas. O uso de farol baixo, durante o dia, reduz em 12% os acidentes envolvendo pedestres e ciclistas; e em 5% as colisões entre veículos. Além disso, os faróis aumentam em 60% a percepção visual periférica do motorista, em um raio de até três quilômetros de distância, o que diminui o número de atropelamentos.

Fonte: Portal do Trânsito

Prefeito Mário Alexandre visita obras iniciais para implantação do Porto Sul


Em visita às obras do Complexo Logístico Porto Sul, o prefeito Mário Alexandre se mostrou confiante com o ritmo imposto à construção do intermodal, compreendido como um novo ciclo econômico para a região. O chefe do Executivo frisou que o empreendimento é uma das maiores apostas do Governo da Bahia para o mercado da mineração do estado. Acompanhado de uma comitiva e dos representantes da BAMIN, o gestor conheceu o canteiro de obras implantado em julho último.

“É um momento muito especial para mim, enquanto cidadão ilheense e prefeito, mas também para o povo. Eu quero agradecer a confiança daqueles que têm a mesma vontade de colocar Ilhéus nos trilhos do desenvolvimento, trazendo para o nosso município a mineração, uma das maiores vertentes da economia. Vamos ligar Ilhéus ao centro do Brasil, além da gerar renda e emprego para o nosso cidadão”.

Na oportunidade, o prefeito destacou que o equipamento é parte do projeto pensado para a zona norte da cidade e inicia um ciclo virtuoso na região Sul. Segundo ele, a autorização para construção do complexo é fruto da luta direta e aliança com o governador Rui Costa e com o Ministério da Infraestrutura, extinto Ministério dos Transportes.

“O processo pode ser demorado, mas nunca vamos desistir de Ilhéus. O Porto Sul vai agregar empresas, atrair mais investimentos e gerar mais empregos para o nosso povo. É isso que eu quero e hoje tenho um sentimento de dever cumprido. Ilhéus passa a ser reconhecida além da história e cultura como uma cidade desenvolvida economicamente”, concluiu Mário Alexandre.

De acordo com a BAMIN, o intermodal vai operar associado ao Terminal de Uso Privativo (TUP) da empresa, destinado à exportação de minério de ferro proveniente do município de Caetité. A previsão é que o transporte do material seja feito pela Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), cuja obra do trecho que liga Ilhéus a Caetité já está 70% concluída. A FIOL também conectará Ilhéus a Figueirópolis, no Tocantins.

Devido à pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19), a BAMIN redobrou os cuidados, implantando em suas atividades todos os protocolos e orientações das autoridades de saúde, adotando melhores práticas de prevenção e controle nacionais e internacionais para combate à doença.

A empresa pontuou que todas as autorizações e licenças foram emitidas pelos órgãos competentes. Atualmente, a obra se encontra em fase de preparação da cravação de estacas da ponte sobre o Rio Almada para acesso ao distrito de Aritaguá. Já foram concluídas as fases de mobilização de mão de obra e equipamentos; supressão vegetal; implantação do canteiro administrativo e industrial; compra de estrutura metálica e insumos e aterro provisório.

Empregabilidade – Nesta primeira fase serão contratadas 400 pessoas, contudo a expectativa é que as obras iniciais do Porto Sul gerem 1.200 empregos indiretos no pico da fase construção. A meta é contratar 60% da mão de obra local, em atendimento às condicionantes do empreendimento.