Alta no preço do boi gordo anima pecuaristas do Sul da Bahia


A alta no preço do boi gordo que tem sido registrada com intensidade nas últimas semanas tem animado pecuaristas de todo o país. Na região Sul da Bahia, o cenário não tem sido diferente e muitos questionam o motivo para essa melhora no preço do boi gordo. Nesta semana, por exemplo, a média de preço em Itabuna tem sido de R$ 225,00 @, com tendência de alta.

Especialistas em análise do mercado do boi, atribuem os seguintes fatores para esta escalada: alta no dólar, aumento significativo nas exportações para a China, por influência da peste suína que dizimou o plantel e a consequente aceitação do consumidor chinês para com a carne vermelha, bem como a dificuldade na reposição de bezerros por conta do preço.

O site especializado na área, Scoot Consultoria, informa que somente em junho, o volume exportado de carne bovina in natura para a China, foi recorde para o mês, totalizando 152,5 mil toneladas. “A quantidade exportada cresceu 33,2% na comparação com o mesmo período do ano passado”, diz o site.

Para o presidente da Associação dos Agropecuaristas do Sul da Bahia (ADASB), Carlos Alberto Alves Dantas (Beto Dantas), a oferta reduzida de animais para abate e a crescente demanda para exportação tem influenciado positivamente nos preços da arroba. “Além disso, a injeção de dinheiro na economia brasileira por conta do auxílio emergencial do governo federal, tem aumentado o consumo do brasileiro”, finaliza.

Iniciada a obra do fechamento da primeira etapa do canal do Malhado


 

O prefeito Mário Alexandre assinou a ordem de serviço para o fechamento da primeira etapa do canal do Malhado, em Ilhéus, cuja obra já foi iniciada neste sábado (20). Na ocasião da assinatura, se fizeram presentes o secretário de Infraestrutura e Defesa Civil do município, o secretário de Servioçs Urbanos, o presidente da Associação da Central de Abastecimento do Malhado (Ascam), o presidente do Sindicato do Comércio Varejista dos Feirantes e dos Vendedores Ambulantes de Ilhéus (SicovFamil) e feirantes do Malhado.

O novo canal terá um comprimento de aproximadamente 110 metros e uma largura total de 9,00 metros.

A obra custa no total R$ 1.730.027,57, sendo o repasse do convênio com o Fundo Municipal de Saneamento de R$ 1.600.000,00 e contrapartida do município de R$ 130.027,57.

A ordem de serviço “Mais um compromisso firmado com os ilheenses e que hoje está sendo cumprido. Com a urbanização que será promovida com o fechamento da primeira etapa do canal do Malhado, um novo espaço de convivência será construído para a comunidade, o que impactará positivamente no comércio local. Mais uma obra que faz parte do processo de reconstrução da cidade de Ilhéus”, expressou com satisfação o prefeito Mário Alexandre.

Para José Carlos, presidente da Ascam, a obra vai fazer uma diferença enorme para cerca de quatro mil feirantes da Central de Abastecimento do Malhado. “A gente vê que teve muitos prefeitos prometendo e nenhum nunca cumpriu. Felizmente Mário Alexandre viu que é uma coisa boa, prometeu à gente antes de ser prefeito, ele disse que ia fazer e já está cumprindo. Vai melhorar muita coisa e nós vamos ter um olhar diferente. Cabe o feirante também fazer a parte dele”.

O presidente do SicovFamil, Afonso Rocha, declarou que “essa é uma reivindicação não só dos feirantes, como também da comunidade de Ilhéus. Nada mais do que gratificante para nós que pedimos ao prefeito e ele hoje está cumprindo a promessa, assinando a ordem de serviço. Nós só temos a agradecer ao prefeito Mário Alexandre pela promessa cumprida”.

Projeto da prefeitura de Ilhéus da cobertura do canal.

A notícia também foi bem recebida pelo experiente comerciante, que há 38 anos trabalha na feira do Malhado, senhor Euclides Ferreira dos Santos. Ele se mostrou muito feliz com o acontecimento. “Há muitos anos a gente vem pedindo e isso nunca aconteceu até então. Vai ser ótimo para todo mundo, para mim, para meus colegas e para a população de Ilhéus como um todo. Nossa cidade é maravilhosa e merece o melhor. Então quem dá o melhor, recebe o melhor”, disse.

Para o jovem Jobson Silva, de 32 anos, que cresceu no ambiente da Central de Abastecimento, “muita gente deixava de ir no local por conta do canal. E com essa obra, o espaço vai ficar muito bonito e com certeza muito mais gente vai passar a frequentar a região. Diante de tantas promessas, já estávamos até desacreditados e agora a gente fica muito feliz e agradece muito ao prefeito Mário Alexandre por estar cumprindo a promessa. Vai dar outra cara à central”.

Dona Delza Ribeiro, feirante há 38 anos disse que com o canal fechado, vai ter mais higiene e promoverá saúde para as pessoas. “A realidade para nós vai ser outra com essa obra, vai mudar em tudo, com um ambiente mais saudável, sadio, um ambiente que as pessoas vão se sentir bem de estar ali e até para os turistas visitarem”.

Vídeo:

Assinei a ordem de serviço para realização do fechamento da primeira etapa do Canal do Malhado, um sonho de décadas dos…

Posted by Mário Alexandre on Saturday, June 20, 2020

Prefeitura de Itacaré está construindo mais uma nova ponte na zona rural


Mais uma ponte na zona rural do município está sendo construída com recursos próprios pela Prefeitura de Itacaré. A nova ponte está sendo feita na região que liga a comunidade de Candeias ao Conjunto São Pedro, beneficiando centenas de moradores desses locais que vivem basicamente da agricultura familiar.

De acordo com o prefeito Itacaré, Antônio de Anízio, o objetivo é garantir uma melhor qualidade de vida para os moradores e facilitar não somente o acesso das pessoas da zona rural, como também assegurar o escoamento da produção agrícola, fonte de renda e sustento dessas famílias de pequenos agricultores. No local a Prefeitura de Itacaré também vem fazendo ainda a constante manutenção das estradas para melhorar cada vez mais o acesso.

A nova ponte está sendo feita com base de concreto, vigas e laje resistentes para garantir a passagem de caminhões para levar mercadorias, insumos, materiais e também possibilitar com muito mais segurança a passagem de veículos e ônibus escolares. E em breve a comunidade já vai contar com mais esse benefício.

Antônio de Anízio assegurou que assim como as comunidades da região das Candeias e Conjunto São Pedro, outras localidades da zona rural de Itacaré vêm sendo beneficiadas com obras importantes como a construção e reforma de escolas, postos médicos, pontes, manutenção das estradas, calçamentos e ainda serviços como rede de energia elétrica e água encanada nas casas. Tudo isso sem contar com os muitos projetos e ações voltadas para o apoio à agricultura familiar, diversificando a produção e gerando muito mais desenvolvimento, empregos, renda e uma melhor qualidade de vida no campo.

Novas atrações musicais nas Lives da Cozinha Show do Festival Gastronômico


Musica com artistas locais, receitas práticas com produtos da agricultura familiar e pratos deliciosos que podem ser entregues direto nas casas dos clientes. Assim está sendo o Primeiro Festival Gastronômico Sabores de Itacaré Delivery, que continua até 14 de junho. A realização é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Turismo. E uma das novidades dessa edição é a live da Cozinha Show, que traz sempre chefs renomados com receitas especiais. A transmissão começa às 17 horas, ao vivo pelo canal do Youtube @seturitacare e pelo facebook @seturitacare.

Nesta quinta-feira (11) as receitas da Cozinha Show começam com o chef Ícaro Rosa, do Restaurante Jiló, que vai ensinar a fazer o coquete de siri, com o tema “Reaproveitamento dos Produtos”. E logo depois a alegria ficará por conta da chef Faby Ferraz, que vai apresentar o prato Colorido Danut’s, com o tema “Divertindo as Crianças”. A atração musical será o cantor Tinho Sandeiro.

Na sexta-feira a Cozinha Show também será em dose dupla, começando com o Chef Leleco, com Empório Bahia, que vai ensinar a fazer o Camarão Ouriçado, com o tema “Do mar ao campo”. E logo depois será a vez da chef Marly Katarina, do Café com Cacau, que vai fazer o Bolo com Nibs, com o tema “O clima do amor”. Já a música terá como atrações os DJs Banzai, Wesley Malora e Márcio Apenas.

A Live Cozinha Show tem o objetivo de promover a interação entre profissionais da gastronomia local e população. Para isso uma cozinha foi montada no Ecoporan Hotel exclusiva para a realização das lives com chefs locais que mostrarão suas habilidades e ensinarão alguns de seus truques, usando como ingredientes os produtos locais e da agricultura familiar trabalhando com o tema do Festival “Gastronomia Afetiva”.

O Festival Gastronômico Sabores de Itacaré Delivery tem como proposta inovar e fortalecer os empreendedores do ramo da gastronomia para diminuir os impactos socioeconômicos, financeiros e comerciais causados pela pandemia da COVID-19. Para o prefeito de Itacaré António de Anízio, o Festival é uma oportunidade não somente de comercialização das empresas, como também aproximar os estabelecimentos a população, fomentando o comércio e gerando receitas até que as atividades comerciais voltem à normalidade.

No novo formato, a ideia é dar liberdade de criação para o estabelecimento, centrado em pratos inspirados em celebrações ao redor da mesa, como reuniões de família e amigos, momentos marcantes de infância e memórias de viagens. Como é tradicional, o Sabores de Itacaré prioriza a utilização de produtos da terra, para valorizar a agricultura familiar local. O Festival tem o apoio do Sindicato Patronal de Hospedagem e Alimentação de Itacaré, SENAC, SEBRAE e propõe uma experiência diferente e saborosa para a população, em tempos de recomendação para que permaneçam em casa o máximo do tempo possível.

O secretário de Turismo de Itacaré, Júlio Oliveira, reforça que o momento é de inovação e a tecnologia passar a ser um alinhado nesse cenário de pandemia. “Nesse contexto, o delivery surge como uma alternativa segura e possível para a atuação direta desses estabelecimentos ajudando a manter alguns dos seus serviços”.

Vereador Pastor Matos reivindica retomada do serviço de desobstrução da rede pluvial da Rua Vila São Miguel


O vereador e presidente da Comissão de Direitos Humanos, Pastor Matos (PSD) voltou a solicitar providências do Executivo Municipal no sentido reparar a rede de drenagem pluvial da Rua Vila São Miguel, no bairro do Iguape, Zona Norte.

A obra, iniciada em resposta à indicação 043/2018 do vereador Pastor Matos, foi embargada em 2019, pois, para o conserto, era necessária a entrada dos agentes da Secretaria de Infraestrutura em área de propriedade privada.

Vereador Pastor Matos.

Atento a situação dramática enfrentada pela comunidade, o vereador solicitou a retomada da obra através da Indicação Nº078/2020, tendo em vista recente decisão liminar do juízo da 1° Vara de Fazenda Pública da comarca de Ilhéus, favorável ao município, o que permite a continuidade do serviço.

Na oportunidade, o parlamentar explicou que a vazão do esgoto a céu aberto contamina o solo, expondo a comunidade a um ambiente altamente nocivo e insalubre, além de favorecer a proliferação mosquitos vetores de doenças como dengue, Zica-vírus e Chikungunya.

“Agora com o aval da justiça, esperamos que o executivo retome esta obra o mais breve possível”, disse o edil. “Os moradores estão vendo suas casas serem invadidas pelo esgoto que retorna pelos ralos! É uma situação terrível”, ressaltou o vereador Pastor Matos ao chamar atenção para a gravidade do problema.

Bahia: Educação inscreve até 11 de junho para 6.710 vagas de cursos pelo Pronatec


A Secretaria da Educação do Estado (SEC) realiza inscrições, até a próxima quinta-feira (11), para 6.710 vagas em cursos de qualificação profissional, pelo Programa Nacional de Acesso do Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC). Os cursos são de Formação Inicial e Continuada (FIC), na modalidade de ensino não presencial de Educação à Distância (EAD), ou seja, serão realizados de forma on-line. As inscrições podem ser realizadas gratuitamente no Portal da Educação. Os cursos são para estudantes ou egressos da Rede Pública de Educação da Bahia, nos âmbitos federal, estadual e municipal.

Conforme o edital, o processo de seleção dos candidatos inscritos será feito por Sorteio Eletrônico na sexta-feira (12). O resultado parcial será divulgado na mesma data do sorteio e o resultado final, no dia 15 de junho, ambos no Portal da Educação. As aulas começam no dia 22 de junho (cursos do Eixo de Gestão e Negócios) e 29 de junho (cursos do Eixo de Recursos Naturais).

Com um investimento de R$ 3.825.220 milhões, estão sendo ofertados os cursos de Agente de Assistência Técnica e Extensão Rural; Agricultor Familiar; e Agricultor Orgânico (Eixo de Recursos Naturais), além dos cursos de Assistente de Recursos Humanos; Microempreendedor Individual (MEI); e Promotor de Vendas (Eixo de Gestão e Negócios).

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destacou a importância desta oferta. “A oferta alcança 99 municípios de 26 Territórios de Identidade. Contamos com o engajamento  dos diversos segmentos da Educação para que possamos mobilizar a participação em massa dos baianos. Esta é mais uma oportunidade viabilizada pelo Governo do Estado para a formação dos estudantes e egressos da rede pública, mesmo em um momento de muitas dificuldades durante a pandemia”, afirmou.

Entre os requisitos para a inscrição, o candidato deve ser residente e domiciliado no Estado da Bahia e, preferencialmente, no município de oferta do curso; ser integrante de família com renda per capita mensal de até meio salário mínimo e/ou de até três salários mínimos totais; e possuir conta de e-mail Enova ou Google válida. No ato da inscrição, o candidato deverá preencher por completo e corretamente o formulário e o questionário socioeconômico disponibilizado.

O superintendente de Educação Profissional e Tecnológica da SEC, Ezequiel Westphal, falou na concepção das ofertas dos cursos. “Para este edital, a oferta de cursos, dada ao contexto da pandemia, estabelecido pelo Ministério da Educação, é que para este primeiro semestre as 122 turmas sejam realizadas no modelo EaD (Educação à Distância), por meio da Plataforma Google Sala de Aula, e apoio pedagógico da Superintendência da Educação Profissional. É importante ressaltar o objetivo de trazer uma oferta respeitando as realidades dos territórios e promovendo a Educação como uma política pública de inclusão”, disse.

Prefeito de Ilhéus assinará ordem de serviço para primeira etapa do fechamento do canal do Malhado


Projeto da cobertura do canal do Malhado. Imagem Prefeitura de Ilhéus.
Canal do Malhado ganha atenção do governo municipal e obras devem começar em breve.

Na próxima semana, será dado o início da obra tão sonhada dos ilheenses: o fechamento da primeira etapa do canal do Malhado, em Ilhéus, demanda antiga da população. A obra, acompanhada pela secretaria municipal de Infraestrutura e Defesa Civil promoverá urbanização na localidade com um moderno espaço de convivência, a refletir no impulsionamento do comércio local.

“Mais um sonho antigo dos ilheenses que começa a ser realizado por nossa gestão. Valorizar o comércio local, promover saúde, mobilidade e acessibilidade urbanas, é o nosso propósito, para fortalecer a economia. Esta é mais uma obra que iniciamos e que integra o processo de reconstrução de nossa amada cidade de Ilhéus”, declarou o prefeito Mário Alexandre.

O novo canal terá um comprimento de aproximadamente 110 metros e uma largura total de 9,00 metros.

A obra custa no total R$ 1.730.027,57, sendo o repasse do convênio com o Fundo Municipal de Saneamento de R$ 1.600.000,00 e contrapartida do município de R$ 130.027,57.

Secretaria da Educação abre 6.710 vagas do Pronatec para cursos on-line de qualificação profissional


A Secretaria da Educação do Estado lançou, nesta segunda-feira (1º), em encontro virtual, o edital para 6.710 vagas em cursos de qualificação profissional, pelo Programa Nacional de Acesso do Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Os cursos são de Formação Inicial e Continuada (FIC), na modalidade de ensino não presencial de Educação a Distância (EAD), ou seja, serão realizados de forma on-line.

As inscrições serão abertas nesta terça-feira (2) e podem ser realizadas gratuitamente até 11 de junho, por meio do Portal da Educação. Os cursos são destinados a estudantes ou egressos da Rede Pública de Educação da Bahia, nos âmbitos federal, estadual e municipal.

Com um investimento de R$ 3.825.220 milhões, estão sendo ofertados os cursos de Agente de Assistência Técnica e Extensão Rural; Agricultor Familiar; e Agricultor Orgânico (Eixo de Recursos Naturais), além de Assistente de Recursos Humanos; Microempreendedor Individual (MEI); e Promotor de Vendas (Eixo de Gestão e Negócios).

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destacou a importância do edital. “A oferta alcança 99 municípios de 26 Territórios de Identidade. Este lançamento tem o objetivo de apresentarmos o edital para os diversos segmentos da Educação, para que possamos mobilizar a participação em massa dos baianos. É mais uma oportunidade viabilizada pelo Governo do Estado para a formação dos estudantes e egressos da rede pública, mesmo em um momento de muitas dificuldades durante a pandemia”, afirmou.

Entre os requisitos para a inscrição, o candidato deve ser residente e domiciliado no Estado da Bahia e, preferencialmente, no município de oferta do curso; ser integrante de família com renda per capita mensal de até meio salário mínimo e/ou de até três salários mínimos totais; e possuir conta de e-mail Enova ou Google válida. No ato da inscrição, o candidato deverá preencher por completo e corretamente o formulário e o questionário socioeconômico disponibilizado.

O superintendente de Educação Profissional e Tecnológica da Secretaria da Educação, Ezequiel Westphal, explicou a concepção das ofertas dos cursos. “Para este edital, a oferta de cursos, dada ao contexto da pandemia, estabelecido pelo Ministério da Educação, é que para este primeiro semestre as 122 turmas sejam realizadas no modelo EaD, por meio da Plataforma Google Sala de Aula, e apoio pedagógico da Superintendência da Educação Profissional. É importante ressaltar o objetivo de trazer uma oferta respeitando as realidades dos territórios e promovendo a Educação como uma política pública de inclusão”, disse.

Seleção

O processo de seleção dos candidatos inscritos será feito por sorteio eletrônico, marcado para o dia 12 de junho. O resultado parcial será divulgado na mesma data do sorteio e o resultado final, no dia 15 de junho, ambos no Portal da Educação. As aulas começam no dia 22 de junho (cursos do Eixo de Gestão e Negócios) e 29 de junho (cursos do Eixo de Recursos Naturais).

Para o diretor da Rede das Escolas Famílias Agrícolas Integradas do Semiárido (REFAISA) e integrante do Conselho Estadual de Educação (CEE/BA), Tiago Pereira, o edital é uma oportunidade para a qualificação profissional de estudantes das diversas regiões do Estado. “Queremos dar todo o suporte para que os estudantes acessem os cursos e possam realizar essa atividade para melhorar a sua formação. Vamos mobilizar a comunidade para que essa oportunidade chegue a todos”.

Ainda participaram do lançamento prefeitos e representantes de secretarias municipais, conselhos territoriais, organizações sociais, movimentos agrícolas, escolas família agrícola e Núcleos Territoriais de Educação, além de gestores e professores dos Centros Territoriais e Estaduais de Educação Profissional

25 estabelecimentos e 29 pratos participam do 1º Festival Sabores de Itacaré Delivery


Confira abaixo as imagens em tamanho maior. Foto Secom PMI.

Inovar, movimentar a economia da cidade, mostrar a rica culinária de Itacaré e promover a interação entre profissionais da gastronomia local e população. Esses são os principais objetivos do Primeiro Festival Gastronômico Sabores de Itacaré Delivery, que começa nesta sexta-feira, dia 29 de maio, e vai até o dia 14 de junho, trazendo muitas novidades nas áreas de lanches, petiscos, pratos principais e sobremesas. O evento conta com a participação de 25 estabelecimentos, que estarão apresentando. E para saborear essas delícias basta fazer o pedido que serão entregues em suas casas, através do sistema delivery

A abertura do Festival Gastronômico Sabores de Itacaré Delivery será nesta sexta-feira, às 18 horas, com a live que terá a participação da cantora Ronara Criola. A transmissão será pelo canal do Youtube @seturitacare. A realização é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Turismo. Durante a live de abertura será apresentada a programação do festival, os estabelecimentos que pratos que estão participando, horários de funcionamento e todos os detalhes do evento, que chega com um novo formato e novidades.

E uma das inovações é a Live Cozinha Show, que todos os dias vai trazer receitas com grandes chefs, mostrando passo a passo de cada prato. Para isso uma cozinha será montada no Ecoporan Hotel exclusiva para a realização das lives que receberão a presença de chefs locais que mostrarão suas habilidades e ensinarão alguns de seus truques, usando como ingredientes os produtos locais e da agricultura familiar trabalhando com o tema do Festival “Gastronomia Afetiva”.

O Festival Gastronômico Sabores de Itacaré Delivery tem como proposta inovar e fortalecer os empreendedores do ramo da gastronomia para diminuir os impactos socioeconômicos, financeiros e comerciais causados pela pandemia da COVID-19. Para o prefeito de Itacaré António de Anízio, o Festival é uma oportunidade não somente de comercialização das empresas, como também aproximar os estabelecimentos a população, fomentando o comércio e gerando receitas até que as atividades comerciais voltem à normalidade.

No novo formato, a ideia é dar liberdade de criação para o estabelecimento, centrado em pratos inspirados em celebrações ao redor da mesa, como reuniões de família e amigos, momentos marcantes de infância e memórias de viagens. Como é tradicional, o Sabores de Itacaré prioriza a utilização de produtos da terra, para valorizar a agricultura familiar local. O Festival tem o apoio do Sindicato Patronal de Hospedagem e Alimentação de Itacaré, SENAC, SEBRAE e propõe uma experiência diferente e saborosa para a população, em tempos de recomendação para que permaneçam em casa o máximo do tempo possível.

O secretário de Turismo de Itacaré, Júlio Oliveira, reforça que o momento é de inovação e a tecnologia passar a ser um alinhado nesse cenário de pandemia. “Nesse contexto, o delivery surge como uma alternativa segura e possível para a atuação direta desses estabelecimentos ajudando a manter alguns dos seus serviços”.

Edital emergencial de R$ 15 milhões beneficia agricultores familiares


Governador Rui Costa lança edital emergencial para apoiar produção de alimentos por agricultores familiares da Bahia.

Uma iniciativa para beneficiar 10 mil famílias de agricultores familiares baianos foi anunciada pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (25), durante o seminário virtual ‘Parceria Mais Forte – Juntos Para Alimentar a Bahia’. Um edital emergencial foi lançado pelo Governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva, e destina R$ 15 milhões para os produtores de alimentos como hortaliças, frutas, raízes, tubérculos e plantas alimentícias não convencionais (PANC). A ideia é garantir a segurança alimentar e nutricional dos beneficiados e contribuir para que a oferta de alimentos básicos e saudáveis seja mantida e diversificada para todos os baianos.

O governador Rui Costa explicou que o edital irá auxiliar os pequenos produtores que tiveram seu trabalho impactado pelas restrições de produção impostas pela pandemia do novo Coronavírus. “O lançamento do edital ocorre com a intenção de fortalecer os pequenos agricultores diante do enorme cenário de crise provocado por essa pandemia. É um edital que valoriza a agricultura familiar e dá mais capilaridade ao setor. Com isso também conseguimos reforçar a economia dos municípios e fomentar a geração de empregos”.

As inscrições serão feitas por meio de Manifestação de Interesse, disponível no endereço eletrônico www.car.ba.gov.br, onde também é possível encontrar o edital completo. A meta prevista é financiar 300 propostas, cada uma no valor de até R$ 50 mil. As propostas devem ter entre 20 e 40 beneficiários e estarem relacionadas à produção, comercialização e ao consumo de alimentos saudáveis.

Os interessados deverão encaminhar proposta elaborada com o apoio de uma instituição de assistência técnica e extensão rural (Ater), ou uma secretaria municipal de agricultura ou desenvolvimento rural, consórcio públicos territorial, que ofertem esses serviços de assistência técnica. O objetivo é garantir uma rápida implementação dos investimentos e o acompanhamento técnico posterior.

Poderão participar as associações e cooperativas da agricultura familiar, comunidades tradicionais, assentados da reforma agrária, fundo e fecho de pasto, quilombolas, indígenas e povos de terreiros que ainda não foram beneficiados pelos projetos Bahia Produtiva e Pró-Semiárido que são  executados pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

Os recursos do edital são oriundos do Tesouro do Estado da Bahia e do Acordo de Empréstimo, firmado entre o Estado e o Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (Bird), com a contrapartida dos beneficiários.

Participaram também do seminário virtual os secretários do Desenvolvimento Econômico do Estado, João Leão; do Planejamento, Walter Pinheiro; e da Educação, Jerônimo Rodrigues