Economistas recomendam austeridade às famílias


Foro: Marcello Casal Jr – Agência Brasil

A queda de renda dos brasileiros em meio à crise econômica provocada pela pandemia de covid-19, preocupa os economistas. As razões para a diminuição do poder aquisitivo estão no desemprego no mercado formal (com carteira assinada), na desocupação de trabalhadores informais (sem registro) e na redução negociada de rendimentos.

Os efeitos são sentidos na queda do poder aquisitivo e na capacidade de consumo das famílias. O percentual de famílias com dívidas, em atraso ou não, chegou a 66,6% em abril deste ano – recorde desde janeiro de 2010. As projeções a médio prazo também despertam atenção. A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) prevê que os brasileiros possam chegar até 8% mais pobres em 2021, na comparação com 2019.

“É um momento muito complicado, as famílias já estavam endividadas. A redução de renda é muito grave porque há pessoas passando necessidade”, diz o economista Ronalde Lins. “Quem perdeu o emprego não vai conseguir recuperar em curto prazo, mesmo que aceite salário mais baixo”, afirma Newton Marques, também economista.

O presidente do Conselho Regional de Economia do Distrito Federal, César Bergo, avalia que o comprometimento dos orçamentos domésticos e o desemprego se agravam com os riscos à saúde, que exigem reclusão. “A pessoa não tem dinheiro, ainda vai ficar doente? O melhor é cuidar da saúde”, afirma, acrescentando que “não se esperava tanto tempo nesse período de isolamento”.

Racionalização de gastos

Nenhum economista prescreve receita mágica ou ad hoc (expressão latina cuja tradução literal é “para isto” ou “para esta finalidade”) como descreve Bergo. Em meio à recessão econômica, a bula prevê mais austeridade. As famílias precisam de “mais disciplina e racionalização de gastos. É questão de fechar o caixa e direcionar recursos. A despesa tem que estar dentro do orçamento”, recomenda.

O presidente do Conselho Regional de Economia frisa, no entanto, que “o momento é de fazer foto, mas enxergar com a luneta. Tem que olhar o futuro. O importante é ganhar tempo. A gente sabe que a pandemia não vai durar para sempre”.

O economista Ronalde Lins também diz que “não existe momento eterno sem dinheiro, sem recurso financeiro.” Por ora, ele orienta as famílias a não fazerem novos compromissos, focar no atendimento às necessidades básicas, como alimentação, renegociar dívidas e prolongar pagamento. Abra o jogo: diga não tenho dinheiro”.

Lins admite, porém, que a negociação “é difícil” no momento. “Dizer que não vai pagar para quem tem a receber é outro complicador. Uma bola de neve. A não paga B, B não paga C, e assim a economia quebra”.

Ronalde Lins é consultor de empresas privadas e observa que seus clientes sofrem com percalços para obter novos empréstimos ou rever condições de antigas operações de crédito.

“Os bancos estão fazendo propaganda que não estão cumprindo, ou beneficiando poucos. Todos os bancos estão dizendo que têm recursos. Infelizmente, os bancos não têm tido esse compromisso. Diversos clientes meus, pessoas jurídicas, não conseguiram recursos com benefício de taxa mais baixa e prolongamento de prazo. Estão colocando muita dificuldade”.

Segundo ele, a situação é ruim para as empresas e para as famílias. Apesar de quedas recentes, as taxas cobradas pelos bancos estão bem acima do que o Banco Central estabelece para a Selic (3% ao ano). Entre março e abril, a taxa de juros total do rotativo do cartão de crédito desceu de 327,1% em março para 313,4% em abril. No cheque especial, a redução dos juros foi de 130% para 119,3%.

Nesse cenário, de “taxas elevadas e absurdas”, o economista Newton Marques espera novas decisões macroeconômicas e que os bancos negociem. “A sociedade tem o direito de exigir medidas concretas. É preciso abrir os cofres. Não tem outra saída em qualquer país do mundo. É momento de guerra”, define.

Além do alto custo para famílias e empresas tomarem dinheiro emprestado, Marques aponta que há exigências de garantias que não podem ser atendidas. “Os bancos não podem fazer análise de risco exigente. Quem está precisando de dinheiro vai sucumbir a critérios rigorosos”, salienta.

Matéria da Agência Brasil.

Bolsonarista Sara Winter é presa pela Polícia Federal em Brasília


Ativista bolsonarista Sara Winter, líder do movimento 300 do Brasil.

A ativista Sara Winter foi presa  na manhã desta segunda-feira (15) pela Polícia Federal, em Brasília.

O mandado foi expedido pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes. Winter entrou na mira da PF depois de gravar vídeos ameaçando o magistrado.

Sara Winter é uma das investigadas no inquérito do STF que apura divulgação de notícias falsas e faz parte do movimento 300 do Brasil.

Em 27 de maio, quando a Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão contra a ativista, ela chamou o ministro de “covarde” e gravou um vídeo dizendo que queria “trocar soco” com o ministro, e que descobriria tudo sobre a vida do magistrado, incluindo os lugares que ele frequenta. “Nunca mais vai ter paz na sua vida”, afirmou em um vídeo gravado na ocasião.

Bahia tem 36.401 casos confirmados de Covid-19


Bahia registra 36.401 casos confirmados de coronavírus (Covid-19), o que representa 19,21% do total de notificações no estado. O boletim epidemiológico ainda contabiliza 15.486 pessoas recuperadas, 1.105 óbitos e 19.810 indivíduos monitorados pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 357 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (54,97%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes foram Itajuípe (9.516,37), Ipiaú (8.872,32), São José da Vitória ( 8.485,06), Uruçuca (8.236,27) e Salvador (8.236,27).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 71.532 casos descartados e 81.601 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo (14).

Na Bahia, 5.162 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui.

Morre aos 56 anos a ex-deputada estadual Virgínia Hagge


Morre aos 56 anos, a ex-deputada estadual Virgínia Hagge — Foto: Reprodução/Redes Sociais.

A ex-deputada estadual baiana Virgínia Hagge morreu neste domingo (14), aos 56 anos, em Itapetinga, no sudoeste da Bahia. Além da carreira política, Virgínia era pedagoga e mãe do prefeito da cidade.

Não há detalhes do que causou a morte da ex-deputada, nem detalhes sobre seu sepultamento.

Virgínia Hagge começou a carreira política como vereadora pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB, atual MDB), em 2005, também na cidade de em Itapetinga.

Em 2007 ela iniciou seu primeiro ano como deputada estadual, após renunciar o cargo de vereadora.

Nas redes sociais, o filho de Virgínia e prefeito de Itapetinga, Rodrigo Hagge, escreveu que esse é o dia mais difícil da vida dele.

“Hoje é o mais difícil dia da minha vida. Perdi minha mãe, minha conselheira, meu exemplo. A perdi depois de tantos anos de luta, de coragem. Perdi o chão. Não está sendo fácil. Não será. Mas sigo ciente de que é preciso que sejamos ‘sábios para permitir que a morte chegue quando a vida deseja ir’. Saudade eterna, mãe”.

Sinovac anuncia 90% de sucesso em testes de vacina contra coronavírus


O laboratório chinês Sinovac, um dos mais avançados na corrida por uma vacina contra o novo coronavírus, anunciou neste domingo dois novos promissores avanços. Segundo a agência Bloomberg, mais de 90% das pessoas que receberam doses da vacina produziram anticorpos contra a covid-19 num intervalo de 14 dias. E não foram observados efeitos colaterais que coloquem em risco o prosseguimento do testes da vacina batizada de Coronavac.

O Sinovac é o mesmo laboratório que fechou parceria com o governo de São Paulo para uma fase de testes com 9.000 pessoas, conforme anunciou o governador João Doria na sexta-feira. O estado foi escolhido para uma terceira fase de testes, fundamental para a confirmação da eficácia da vacina, por ainda ter transmissão comunitária ativa do coronavírus. Segundo Doria, se tudo der certo a vacina, que pode vir a ser fabricada em parceria com o Instituto Butantã no Brasil, pode estar disponível no Sistema Único de Saúde em 2021.

O anúncio deste domingo refere-se a estágios anteriores de testes, as fases 1 e 2, feitas na China. Um total de 743 pessoas saudáveis com idades entre 18 e 59 anos receberam ou doses da vacina ou doses placebo de comparação. Segundo a Sinovac, as descobertas mais recentes serão publicadas em artigos científicos.

Com Informações da Revista Exame.

Nota do DEM sobre o estado de saúde de Néo Bastos


Vereador Néo Bastos.

Nesse sábado, 13, o radialista e suplente de vereador Néo Bastos, membro do Democratas, deu entrada no Hospital de Ilhéus. Por causa da dificuldade de respirar, os médicos o internaram na unidade de terapia intensiva, com ventilação mecânica.

O estado de saúde de Néo Bastos inspira muito cuidado. Ele tem diabetes e está perto de completar 61 anos. Apesar do sintoma respiratório, o diagnóstico de Covid-19 ainda é uma suspeita. Portanto, diferente de informação que circula na internet, a doença provocada pelo novo coronavírus não está confirmada.

“Entramos em contato com a família de Néo, que pediu orações por ele. Os democratas reforçam esse pedido. Vamos fazer uma corrente de pensamento positivo por sua recuperação”, declarou o presidente do DEM em Ilhéus, Valderico Junior.

Vercil Rodrigues lança Tribunal do Júri – História, origem e evolução no Direito Processual Penal


Com prefácio do professor de Direito Penal, Processo Penal e Criminologia, e delegado de polícia civil da Bahia, Dr. Clodovil Soares, o advogado Vercil Rodrigues, que também é jornalista e professor, acaba de lançar seu mais novo livro, o quarto na seara jurídica, “Tribunal do Júri – História, origem e evolução no Direito Processual Penal”, pela Direitos Editora.

advogado Vercil Rodrigues.

No “Tribunal do Júri – História, origem e evolução no Direito Processual Penal”, declarou Dr. Clodovil Soares sobre o neojurista e sua obra: “Percebo que se trata de exame percuciente, próprio do talentoso historiador e advogado, da origem histórica e estrutura do Tribunal do Júri, trazendo informações de uma incursão histórica pelas civilizações antigas, em seu modo de punir e julgar, até o Tribunal do Júri como garantia fundamental presente na Constituição Federal, com abordagem que de maneira didática e leve, surge como uma boa leitura para advogados, acadêmicos de direito, carreiras jurídicas ou leigos”.

Disse ainda o prefaciador: “Na segunda parte, o autor expõe de forma brilhante os principais elementos do Tribunal do Júri, seus princípios reitores, garantias, formulações e recursos. Esquematicamente aponta o surgimento e construção estrutural da concepção de Tribunal do Júri, juízo competente para julgar os crimes dolosos contra a vida e os conexos. Enfim, temos em mãos um livro que as suas qualidades, por si só, justificam a empenhada publicação. Sem exagero se constituirá, num guia, primeiro e último, a ser consultado por todo profissional da área que se dedique à teoria e prática do Tribunal do Júri”.

O advogado criminalista e um dos fundadores da Academia de Letras Jurídicas do Sul da Bahia (Aljusba), Dr. Cosme Reis, a quem coube apresentação do Tribunal do Júri – História, origem e evolução no Direito Processual Penal, declarou: “Tenho certeza de que você ao concluir a leitura desta obra estará com seu horizonte ampliado, com a visão crítica aguçada, traçando paralelos entre o nascedouro da instituição do júri – século XIII, no ano de 1.215, a Magna Charta Libertatum e a sua manutenção em todas as Constituições do Brasil, que reconhece expressamente a soberania de seus vereditos, neste que é o mais democrático de todos os institutos processuais penais, permitindo aos jurados decidirem com mais liberdade e mais sintonizados com os anseios da sociedade do que os juízes togados, pois, ao contrário destes, não precisam motivar suas decisões”.

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar R$ 32 milhões


Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2270 da Mega-Sena.sorteados no sábado (14) à noite, no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo. Os números sorteados foram 14-16-38-39-41-48.

A quina teve 53 apostas vencedoras e cada uma receberá R$ 46.373,51.

Na quadra ganharam 2.707 apostas e cada uma vai receber R$ 1.297,05

A estimativa de prêmio do próximo concurso, na quarta-feira (17), é de R$ 32 milhões para quem acertar as seis dezenas.

As apostas na Mega-Sena podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio em lotéricas ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal..

A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

MP autoriza abertura automática de contas para saque do FGTS


O governo publicou hoje (13) uma medida provisória (MP) que autoriza a abertura automática de poupanças digitais da Caixa Econômica Federal para que todos os trabalhadores que possuem conta no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) recebam até R$ 1.045,00 de seu saldo disponível.

A Caixa divulgou neste sábado o calendário de pagamento do saque emergencial do FGTS. A estimativa do banco é que 60 milhões de pessoas tenham direito ao saque, sendo que muitas são “desbancarizadas”, ou seja, não possuem conta em nenhum banco. No total, cerca de R$ 37,8 bilhões serão transferidos.

Pela nova MP, o dinheiro do FGTS ficará disponível na conta até 30 de novembro. Caso não haja movimentação até essa data, os recursos voltam para o saldo do trabalhador no fundo. Os depósitos começam em 29 de junho e seguem até 21 de setembro, de acordo com o mês de nascimento do beneficiário.

Contas digitais do tipo já vinham sendo utilizadas para o pagamento do auxílio emergencial relacional à pandemia do novo coronavírus, de R$ 600,00. Com a MP 982/2020, publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), o uso desse tipo de conta fica ampliado também para o saque do FGTS e o depósito de diversos benefícios sociais e emergenciais, inclusive pelos governos estaduais e municipais.

De acordo com a MP, nenhuma tarifa será cobrada pela poupança digital automática, e fica garantido ao menos uma transferência eletrônica mensal gratuita para contas em outros bancos. O limite de movimentação é de no máximo R$ 5 mil por mês, somando-se depósitos e retiradas.

Segundo a Caixa, a abertura automática de contas contribui para evitar a aglomeração de pessoas para o saque do dinheiro nas agências. “O momento atual exige distanciamento social como medida de prevenção à covid-19”, disse o banco por meio de nota.

Radialista Néo Bastos está na UTI com suspeita de Covid-19


Suplente de Vereador Néo Bastos.

O suplente de vereador e radialista Manuel Félix Kruschewsky Bastos, o popular Néo Bastos, foi internado na noite deste sábado (13) na UTI do Hospital de Ilhéus, com sintomas do coronavírus (Covid-19).

Segundo informações, Néo estava sentindo os sintomas desde a quarta-feira (10), ficou em isolamento e demorou a procurar ajuda médica, o quadro de saúde se agravou na noite desta sábado (13), com o comprometimento de 50% do pulmão.

Por meio da Redes Sociais, o vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal, pediu orações. “Cada um no seu credo, cada um na sua fé, um respeitando o que o outro acredita e professa, mas todos juntos agora pedindo, orando, rezando, implorando a Graça de Deus pela saúde de Neo.”

Nota do DEM sobre o estado de saúde de Néo Bastos