Mais dez toneladas de óleo já foram retiradas das praias atingidas em Ilhéus


Óleo é retirado da praia da Avenida Soares Lopes, em Ilhéus.

Até agora, segundo o Comitê Interinstitucional, já foram retiradas ao todo, cerca de 10 toneladas de óleo das praias de Ponta do Ramo, Ponta da Tulha, São Domingos e Praia da Avenida, no centro. As manchas de petróleo em praias do Nordeste já atingiram pelo menos 225 localidades em mais de 80 municípios de nove estados.

A limpeza das praias atingidas pelo óleo no Nordeste está sendo feita a muitas mãos. Além de militares e técnicos, o trabalho conta com a participação de voluntários. São moradores, comerciantes e turistas que querem ajudar de alguma forma, a exemplo do Enoch Ramos, que passou parte da manhã da última sexta-feira (25), limpando a praia de Juerana, na região norte do município.

“A Prefeitura chegou após vinte minutos entrarmos em contato. Muito agradecido, pois pude ver a força-tarefa elaborada para conter os estragos. Ví aqui a Marinha, Bombeiros, Ibama, Inema, enfim, um conjunto bastante organizado que deu conta dessas demandas iniciais. Creio que mais manchas virão e tenho certeza que com esse exército, as praias do município serão limpas”, opinou.

Foto Secom -Ilhéus.

Mas é preciso ter atenção já que o óleo pode causar problemas de saúde, como dor de cabeça, dificuldade de respiração, irritações na pele e até mesmo intoxicação. O alerta é do Ministério da Saúde, que lançou uma cartilha voltada para a população desses locais. Uma das principais recomendações é para não entrar em contato direto com o óleo sem proteção, especialmente em crianças e gestantes.

O Ministério também orienta evitar contato com a água e areia das praias. Caso entre em contato com o óleo, a população deve tomar cuidado ao retirar o produto. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) informou que em caso de reação alérgica, ou ingestão incidental, procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima. Água e sabão, fricção mecânica e evitar retirar o produto com soluções tóxicas é parte da recomendação.

E para ajudar todos os envolvidos na limpeza, inclusive os voluntários, o Governo do Estado e Marinha do Brasil enviou esta semana, um carregamento contendo Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s), para intensificar o trabalho de limpeza das praias do município. Outros estados também receberam os equipamentos, entre eles, Sergipe, Rio Grande do Norte, Alagoas e Pernambuco.

Foto Secom Ilhéus.

O kit contém equipamentos como botas, luvas, calças, protetor solar, pás e sacos para resíduos, para que todos possam atuar com segurança e sem riscos à saúde. O material foi recebido pelas prefeituras e defesas civis locais. Segundo o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo, Jerbson Moraes, o material vai ajudar no trabalho de limpeza dessas praias.

“Temos que nos preparar ainda mais, junto com o os governos estadual e federal para lidarmos com esse desastre. O Governo do Estado disse que Ilhéus será a sede do Sul e Extremos Sul, pois conseguimos articular com eficiência, ações juntamente com a Marinha, Corpo de Bombeiros Militar, órgãos ambientais, instituições e empresas com o objetivo de manter nossas praias limpas e livre dessas manchas”, salientou.

Conferência Macroterritorial em Ilhéus define ações de Ciência, Tecnologia e Inovação


Foto: Elói Corrêa/GOVBA.

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), do Governo do Estado, realizou, nesta terça-feira (29), na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus, a etapa regional Litoral Sul das Conferências Macroterritoriais de Ciência, Tecnologia e Inovação. O evento, que acontece até dia 31 em onze cidades baianas, tem o objetivo de identificar as principais demandas e elaborar a nova política estadual do setor, considerado estratégico para o desenvolvimento regional. Além disso, a conferência elege os 20 delegados sulbaianos que participarão da IV Conferência de CT&I, nos dias 5 e 6 de dezembro, em Salvador.

Os 20 delegados escolhidos em cada macroterritório ficarão responsáveis por apresentar as demandas das regiões, representando os segmentos empresarial, Institutos de Ciência e Tecnologia, (universidades, centros de pesquisa), poder público, sociedade civil organizada e entidades de representação setorial, como, por exemplo, Fieb, Sebrae, Ibametro, dentre outros.

De acordo com o superintendente de Desenvolvimento Científico da Secti, Washington Rocha, o governo “está construindo uma nova política estadual de Ciência e Tecnologia e o Sul da Bahia é uma região importante no contexto estadual. A participação de todos os segmentos da sociedade democratiza o processo e amplia o atendimento às demandas e dá mais eficiência à gestão pública”.

Presente no encontro, o vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal, acredita que é necessário “consolidar o Parque Tecnológico do Sul da Bahia, já que a tecnologia é fundamental para o nosso desenvolvimento. Nesse sentido, o debate é importante, porque contribui para definir prioridades e encaminhar projetos como o GigaSul”.

Já a reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Joana Angélica Guimarães, afirmou que “as universidades são o principal elemento de geração de conhecimento nas áreas de ciência e tecnologia e atuam em parceria entre elas e com outras instituições que possam contribuir na definição e execução de ações que gerem desenvolvimento”.

Representante da Uesc, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, George Albuquerque, ressaltou que “a atualização da atual política de ciência e tecnologia, que já tem 15 anos, é fundamental diante dos avanços surgidos nos últimos anos e das novas demandas que se apresentam nas diversas regiões do Estado, como a criação de parques tecnológicos. Assim, as universidades localizadas no Sul da Bahia irão incrementar ações que contribuem para um novo modelo de desenvolvimento”.

Quatro candidatos disputam a eleição para reitor da UESC


Foto divulgação UESC.

A Comissão Eleitoral, responsável pela condução da eleição para reitor e vice-reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), analisou os requisitos de condição dos candidatos de cada chapa e homologou, na manhã desta terça-feira (29), as candidaturas definindo, também, o numero de cada uma.

Estarão concorrendo ao pleito, em 26 de novembro a chapa 1: Alessandro Santana, (reitor), Mauricio Moreou (vice); chapa 2: Cristiano Bahia (reitor), George Albuquerque (vice); chapa 3: Guilhardes Júnior(reitor), Agna Menezes (vice) e a chapa 4: Pedro Marinho(reitor), Ronan Corrêa (vice).

Os candidatos, depois das chapas homologadas, serão autorizados a fazer campanha, no campus, dos dias 4 a 22 de novembro. A votação, apuração e proclamação do resultado ocorre no dia 26 do próximo mês. O dia seguinte (27/11) está reservado para os pedidos de impugnação do resultado e o julgamento das impugnações e homologação do resultado final será no dia 29. O prazo final para encaminhamento, por parte da Comissão Eleitoral, das decisões dos recursos ao Conselho Universitário será no dia 9 de dezembro.

O processo eleitoral é coordenado por uma Comissão escolhida pelo Conselho Universitário (Consu) e nomeada por seu presidente e reitor da UESC, Evandro Sena Freire, formada por representantes dos docentes: Luiz Antônio dos Santos Bezerra, Lilia Marta Brandão Soussa Modesto e Francisco Mendes Costa, titulares. Os docentes escolhidos para suplentes são: Marcelo Ossamu Honda, Rosenaide Pereira dos Reis Ramos e Fernando José Reis de Oliveira.

Os representantes dos Servidores Técnico-Administrativos são: titular, Marciene Aparecida Fernandes Die Deriche e suplente, Evany Cavalcante de Souza Rocha. Representando os discentes, na condição de titular João Lins Costa Sobrinho e suplente Lueny de Souza Rodrigues.

O colégio eleitoral da Universidade Estadual de Santa Cruz é composto pelos corpos docente, discente e técnico-administrativo e seus votos têm peso igual de um terço, cada. Poderão votar os estudantes, professores substitutos, visitantes e técnico-administrativos, incluindo os em Regime Especial de Direito Administrativo, desde que comprovada vigência de seus contratos pela Gerência de Recursos Humanos. São impedidos de votar os servidores técnico-administrativos em cargos comissionados com menos de cinco anos de exercício na UESC.

Mulher ‘engolida’ por portão ficou presa por uma hora em garagem, diz filha


Filmagem viralizou.

O vídeo de uma mulher que foi “engolida” por um portão automático enquanto caminhava por uma calçada viralizou nas redes sociais no último fim de semana. Enquanto faziam inúmeras piadas com a situação, internautas tentavam descobrir quem era a mulher que aparecia nas imagens e onde elas foram gravadas. O mistério foi solucionado por uma das filhas dela, Thaís Oliveira, que comentou o assunto em seu perfil no Twitter.

Vídeo:

Segundo Thaís, a situação inusitada ocorreu em Goiânia, Goiás, no início do mês, mas o dono da residência compartilhou as imagens das câmeras de segurança neste fim de semana nas redes sociais. Ela conta que a mãe ficou por cerca de uma hora no local e foi resgatada após pedir ajuda para uma mulher que varria uma calçada na mesma rua.

“Ela subiu numa pia e tinha uma mulher varrendo a rua. Daí ligou pra minha irmã, depois conseguiram contatar o dono da casa”, contou Thaís.

A filha disse ainda que ficou “preocupadíssima” com a mãe no dia, mas ressaltou que como o desfecho da história não foi ruim, “agora só resta rir” da situação.

“Eu fiquei preocupada mais cedo por achar que ela ficou triste, mas ela está rindo também.Poderia ter sido pior. Tinham dois pitbulls presos e quando o dono da casa chegou ele disse que eles adoram pular”, relatou. ( Informações do Jornal Extra)

Câmara Municipal de Ilhéus emite nota de pesar pelo falecimento da servidora Suéle Diacuí de Sá


Suéle Diacuí de Sá.

O Presidente da Câmara Municipal de Ilhéus, César Porto, nesta segunda-feira, (28), emitiu uma nota de pesar pelo falecimento da servidora do Poder Legislativo de Ilhéus, Suéle Diacuí de Sá, ocorrida no início da manhã. Suele faleceu aos 58 anos.

Durantes vários anos a servidora esteve à frente do setor de RH da instituição.

Confira a nota na íntegra:

“Os vereadores e servidores da Câmara Municipal de Ilhéus, receberam com tristeza, nesta manhã desta segunda-feira a notícia da morte de Suéle Diacuí de Sá, que lutava contra um câncer.

Neste momento de dor e pesar, os vereadores da Câmara Municipal de Ilhéus manifestam sentidas condolências aos familiares e amigos, pedindo a Deus que conforte a todos”.

Deputado Pedro Tavares registra pesar pelo falecimento do ex-vereador Bezerra


Bezzera faleceu no último sábado.

O deputado estadual Pedro Tavares (DEM), expressou pesar pela morte do ex-vereador e ex-secretário municipal de Ilhéus, Antônio Firmino Bezerra de Oliveira, mais conhecido como Bezerra, ocorrido no último sábado. O parlamentar destaca a importância do ex-vereador na política do município e presta solidariedade aos familiares, amigos e admiradores de sua trajetória.

“Transmito meus sentimentos a todos os familiares, amigos e admiradores desse grande homem que teve sua passagem marcada na história de Ilhéus, como representante na Câmara Municipal, trabalhando em favor da população da cidade. Que todas as pessoas próximas a Sr. Bezerra encontrem o conforto espiritual para atravessarem esse momento de saudade e tristeza”,afirmou.

Bezerra foi soldado do Exército, professor e atuou também como advogado. Além de vereador, ele trabalhou como secretário municipal na gestão do ex-prefeito de Ilhéus Newton Lima.

Vídeos: Manchas de óleo atinge mais duas praias de Ilhéus


Na manhã desta terça-feira (29), a mancha de óleo chegou à praia da Avenida Soares Lopes (Centro de Ilhéus) e à Praia da Ponta do Ramo (Zona Norte). Com isso, subiu para quatro o número de pontos afetados no município.

Antes as manchas de óleo apareceram nas praias do São Domingos e São Miguel, zona norte de Ilhéus.

Na praia de Ponta do Ramo, também na zona norte, voluntários tiraram mais de uma tonelada de óleo, e esperam as autoridades competente para recolher o óleo e dar o destino apropriado.

Segundo dados atualizados nesta terça-feira (29), pelos órgãos de monitoramento, além dos 19 municípios que já tinham sido contabilizados na Bahia, entram para a lista Valença, Nilo Peçanha, no baixo sul do estado e Jaguaripe, no recôncavo.

Vídeos enviados por leitores:

Praia da Avenida Soares Lopes

Praia do Ponta do Ramo.

Começam as obras de pavimentação do novo acesso às praias de Itacaré


As obras de pavimentação do novo acesso às praias de Itacaré, do trecho que vai da ladeira grande até o calçamento que leva às praias do Resende, Tiririca, Costa e Ribeira, já foram iniciadas. Inicialmente está sendo feito o trabalho de topografia e limpeza do local, para posteriormente ser realizada a pavimentação asfáltica. A obra está sendo feita pelo Governo do Estado da Bahia, em parceria com a Prefeitura de Itacaré.

O trecho pavimentado será de 2.233,15 metros, que vai da Ladeira Grande, logo na entrada da cidade, até o caminho das ´praias. Também será feita uma ciclovia e preparada a área para os passeios. Outro ponto importante é que a obra contempla a pavimentação do trecho da entrada do Bairro Santo Antônio (Bairro Novo) até encontrar com o trecho de paralelepípedo, em frente a Creche Municipal.

A obra foi solicitada pelo prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, que se reuniu com o secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, e com o deputado federal Ronaldo Carlleto, para discutir sobre a pavimentação asfáltica do novo acesso às praias da cidade, ligando o bairro da Ladeira Grande até Praia do Rezende. A audiência contou também com a presença do secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Ademar Sá, que apresentou os detalhes do projeto.

Durante o encontro o prefeito Antônio de Anízio falou da importância do novo acesso, como forma de melhorar o trânsito na cidade, principalmente nos períodos de maior movimento, a exemplo do réveillon e carnaval, quando a Itacaré recebe milhares de turistas. De acordo com o prefeito Antônio de Anízio, trata-se uma obra de grande importância para a mobilidade urbana de Itacaré, pois cria um novo acesso ligando a BA-001 ao caminho das praias sem passar pelo centro da cidade. Com isso otimiza e facilita o acesso de turistas e visitantes às praias e ao bairro da Concha, que concentra o maior número de estabelecimentos de hospedagens.

Embratur quer fim da demarcação no sul da Bahia


Terras Tupinambá que aguarda demarcação.

A Embratur enviou à Fundação Nacional do Índio documento em que pede o encerramento do processo de demarcação de uma reserva indígena no sul da Bahia, de 470 km quadrados, para o suposto povo Tupinambá de Olivença, que briga por ela há pelo menos 15 anos.

De acordo com o documento, divulgado nesta segunda-feira pelo site “The Intercept Brasil”, Gilson Machado Neto, presidente da Embratur, subordinado ao Ministério do Turismo, a Embratur quer que a área seja ocupada por dois resorts de um grupo hoteleiro de Portugal.

A área que seria demarcada teve a primeira fase do processo concluída em 2009. A terra está delimitada, segundo a Funai, e tem área de 47,3 mil hectares, abrangendo os municípios de Una, Ilhéus e Buerarema, para 4,6 mil supostos indígenas.

O processo é polêmico desde o início, porque não existiam Tupinambás nas terras antes de 1988, exigência da lei para demarcar terras indígenas. A especialista, que alegou em um parecer que as terras sempre foram ocupadas por Tupinambás, é desmentida por seu próprio livro sobre o assunto, publicado antes de ela entrar para a Funai.

A área ainda precisa passar por três estágios dentro do processo administrativo da Funai: a declaração, a homologação e a regularização de fato, com registro em cartório. A empresa portuguesa interessada na área é a Vila Galé que pretende instalar dois resorts com 1.040 leitos, empregando 2 mil pessoas.

O investimento é superior a R$ 200 milhões e está previsto para 2021. É chamado de “Vila Galé Costa do Cacau”.

Bolsonaro ameaça não renovar concessão da Globo


Imagem: TV Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) comentou na saída do hotel em que está hospedado em Abu Dhabi que existe a possibilidade da Globo não renovar a concessão. Bolsonaro responsabilizou a mídia por notícias que tentaram ‘desestabilizá-lo’.

O político acredita que empresas de comunicação podem ter problemas no processo de renovação, que acabará durante o seu mandato.

“Tem empresa que vai renovar seu contrato brevemente, eu não vou perseguir ninguém. Quem estiver devendo, vai ter dificuldade. Então os órgãos de imprensa jogam pesado para ver se me tiram de combate para facilitar sua vida”, comentou o presidente na manhã desta segunda-feira (28).

O presidente afirmou ainda que ‘o pessoal quer pegar fantasma e rachadinha o tempo todo’, se referindo a Cileide, que não seria funcionária fantasma. “Ela desde 200 estava no mesmo endereço.

Não é fantasma. Sempre morou desde 2002, a casa é minha, está em meu nome. Ela mora embaixo e em cima era um escritório, um fundo de quintal, por assim dizer”, explicou Bolsonaro .

Áudios indicam que o presidente comunicou a Queiroz a intenção em demitir uma funcionária do gabinete do seu filho Carlos Bolsonaro (PSC), que é vereador. O intuito seria desvincular mulher da família Bolsonaro.

Informações do Último Segundo-IG