Dois hospitais do sul da Bahia passam a contar com túneis de desinfecção do Senai Cimatec


Hospitais Costa do Cacau, em Ilhéus, e Calixto Midlej Filho, em Itabuna.

Dois túneis de desinfecção desenvolvidos pelo Senai-Cimatec serão instalados nos hospitais Costa do Cacau, em Ilhéus, e Calixto Midlej Filho, em Itabuna, ambos voltados exclusivamente para o atendimento de pacientes da Covid-19. Os equipamentos, projetados para ofertar mais segurança para os profissionais de saúde das unidades hospitalares, saíram na manhã desta sexta-feira (01) de Salvador e serão instalados a partir deste sábado (02).

Os túneis possuem formato de um corredor de 2,5 metros, pelo qual o profissional de saúde passa ao final do seu expediente, antes da retirada do Equipamento de Proteção Individual (EPI), para desinfecção. Cada equipamento possui estrutura de alumínio, com tubulação de PVC, uma bomba de alta pressão e bicos aspersores que fazem o processo de nebulização de uma solução de hipoclorito.

“Este é um equipamento inovador que vai garantir mais segurança para os profissionais de saúde que estão na ponta, prestando atendimento às pessoas com sintomas da Covid-19. A gente sabe que o Coronavírus tem infectado profissionais no mundo inteiro e é muito importante proporcionar esta segurança no ambiente hospitalar. Três destes túneis estão funcionando em Salvador, no Hospital Espanhol, Hospital Santo Antônio, das Obras Sociais Irmã Dulce, e Instituto Couto Maia, em Salvador. Outras unidades de saúde também receberão túneis de desinfecção”, destaca o secretário estadual do planejamento, Walter Pinheiro.

O equipamento foi desenvolvido sob a supervisão do infectologista Roberto Badaró, pesquisador chefe do Instituto de Tecnologia da Saúde do Senai Cimatec. “A gente sabe que a contaminação do profissional da área da saúde, cerca de 50% ocorre não no contato com o paciente, mas quando ele vai tirar a capa, o gorro, a máscara, ou seja, quando ele vai se desparamentar. Ao passar pelo túnel de desinfecção e receber o spray, o profissional pode retirar estes equipamentos de proteção individual sem risco de contaminação”, explica Badaró.

Prefeitura de Ilhéus realiza cadastro de feirantes do Malhado


A Prefeitura de Ilhéus, por meio de uma ação conjunta de diversas secretarias e a Associação da Central de Abastecimento do Malhado (Ascam), realizou na manhã deste 1º de maio o cadastramento dos feirantes como preparação para a reorganização da feira.

A ação, que conta com a coordenação e plano de estudo realizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SDE), é operacionalizada pela Superintendência de Indústria e Comércio para o cadastramento dos feirantes juntamente com a Ascam, o acompanhamento das secretarias de Meio Ambiente, de Serviços Urbanos (Secsurb), de ordem Pública por meio do apoio da Guarda Civil Municipal, da Polícia Militar para a segurança da atividade e da Superintendência de Transporte, Trânsito e Mobilidade (Sutram) para a organização do fluxo de veículos nas vias.

“No último decreto, o prefeito Mário Alexandre determinou a realização desta iniciativa que tem como objetivo a reorganização da feira, com novas barracas, tendo em vista a necessidade de atnder as recomendações de higiene e distanciamento entre as barracas. Os feirantes contarão com a limpeza e desinfecção do local, e receberão novas barracas”, explicou o titular da SDE, Vinícius Briglia.

O Governo do Estado está doando 150 barracas para esta iniciativa, cuja montagem será realizada pela Secsurb, na próxima semana. Uma verdadeira força tarefa que visa a manutenção das atividades dos feirantes neste período de pandemia.

Bahia registra 3.140 casos de Covid-19 e 117 óbitos


A Bahia registra 3.140 casos confirmados de Covid-19, o que representa 21,3% do total de casos notificados no estado. Considerando o número de 697 pacientes recuperados e 117 óbitos, 2.326 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 137 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (63,54%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são: Ilhéus (1336,81) Uruçuca (1072,18), Itabuna (923,92), Coaraci (765,02) e Salvador (694,55).

O boletim epidemiológico registra 7.931 casos descartados e 14.743 notificações em toda a Bahia. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Taxa de ocupação

Na Bahia, dos 791 leitos disponíveis do Sistema único de Saúde (SUS) exclusivos para Covid-19, 306 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 39%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 318 leitos exclusivos para o coronavírus, 159 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 50%. Cabe ressaltar que novos leitos serão abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

Ilhéus registra o 5º óbito

Nesta sexta (1º), os dados divulgados de Ilhéus são 217 casos positivos, 63 atendimentos realizados hoje, 435 descartados, 65 aguardando resultado do Lacen, 250 casos monitorados, 1162 pessoas liberadas do monitoramento e que apresentaram síndrome gripal, 3332 notificações, 11 pessoas internadas na UTI e 5 óbitos.

116° Óbito da Bahia foi um homem de 49 anos residente em Ilhéus. Apresentou os primeiros sintomas no dia 14 de abril e foi a óbito no dia 30 de abril em um hospital público de Salvador. Não tinha registro de comorbidades.

Para acessar o boletim completo, com a lista de municípios com casos confirmados, clique aqui.

 

PF prende estelionatários que tentavam sacar auxílio emergencial


Bandidos portavam 108 cartões do Bolsa Família quando foram abordados.

A Polícia Federal anunciou a prisão em flagrante de uma dupla de estelionatários que tentavam realizar saques indevidos com cartões do Bolsa Família. Segundo a PF, a dupla teria teria retirado com sucesso cerca de R$ 96 mil de contas que receberam parcelas do auxílio emergencial. O crédito é fornecido pelo governo para a população de baixa renda como forma de minimizar danos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus.

Os homens portavam 108 cartões do programa Bolsa Família de diversas titularidades. Para os beneficiários do programa, as parcelas do auxílio emergencial são automáticas, sem necessidade de cadastros adicionais.

O crime aconteceu na cidade de São Luís (MA), na madrugada desta quinta-feira (30), na agência da Caixa Econômica Federal localizada na praça João Lisboa, no centro.

Governo do Estado interditará Central de Abastecimento do Malhado em Ilhéus


Imagem Divulgação.

O Secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Villas Boas, declarou que o governo baiano interditará no sábado (2), toda a Central de Abastecimento do bairro do Malhado, na cidade de Ilhéus.

O anúncio surpreendeu a todos os presentes na manhã deste 1° de maio, na ocasião da visita que Villas Boas realizou ao Centro de Atendimento Covid-19, no Centro de Convenções de Ilhéus.

A Prefeitura de Ilhéus realizou na manhã desta sexta-feira uma força tarefa para o cadastramento dos feirantes para o recebimento de novas barracas doadas pelo Estado. A Prefeitura de Ilhéus visa a reorganização da Central de Abastecimento, conhecida como feira do Malhado, com a organização das barracas para a reabertura da feira.

“Sabemos da importância da continuidade da comercialização dos produtos agrícolas vindos do interior e, por isso, trabalhamos para a manutenção das atividades dos feirantes e o consumo com os devidos cuidados para a prevenção do coronavírus”, declarou o Prefeito Mário Alexandre.

De acordo com Villas Boas, é a Vigilância Sanitária do Estado que realizará essa interdição, por meio de um decreto estadual.

Prefeitura demarca espaço das filas nas agências da Caixa


Como medida adotada para enfrentamento à Covid-19, a Prefeitura de Ilhéus iniciou na manhã desta sexta-feira (1°) a demarcação do espaço ocupado pelas pessoas na porta das agências da Caixa Econômica Federal em filas, no centro da cidade e nos pontos de atendimento instalados para prestar orientação sobre o auxílio emergencial. A ação delimita o espaço de dois metros, evitando o contato físico enquanto as pessoas aguardam o atendimento.

“Mais uma iniciativa que reflete o cuidado com a saúde da nossa população. Demarcamos o espaço com o distanciamento necessário, a fim de evitar o contágio e para que possamos ter maior controle e fiscalizar o local”, destacou o prefeito Mário Alexandre.

O gestor informou que 93% dos munícipes utilizam máscara, um ponto positivo diante do cenário de combate à Covid-19. Fabrício Farias, gerente geral de uma das agências da Caixa, explicou que o calendário para pagamento iniciou em 27 de abril. As pessoas que nasceram em janeiro, fevereiro, março, abril, maio, junho, julho e agosto, por exemplo, já podem sacar o benefício.

“Com os stands montados pela Prefeitura conseguimos atender cerca de 300 pessoas para geração da senha, a fim de que o cliente possa sacar o auxílio emergencial nas lotéricas ou caixas eletrônicos”. É importante frisar que o pagamento entra na conta a partir da data estipulada no calendário, mas o saque pode ser feito nos dias seguintes. As pessoas que nasceram nos meses de setembro e outubro podem sacar o auxílio no dia 4 de maio e as nascidas em novembro e dezembro receberão o benefício em 5 de maio.

A ação é coordenada pela Superintendência de Transporte, Trânsito e Mobilidade (Sutram) e pela Secretaria de Serviços Urbanos (Secsurb), com apoio da Polícia Militar da Bahia.

Governo prorroga validade de passe livre para pessoas com deficiência


Imagem ilustrativa.

O Ministério da Infraestrutura publicou nesta quinta-feira  (30), no Diário Oficial da União, portaria prorrogando o prazo de validade de credenciais do passe livre em transporte coletivo interestadual para pessoas com deficiência em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19). A medida vale para os documentos vencidos a partir de março de 2020 que serão renovados automaticamente até 31 de dezembro deste ano.

De acordo com a pasta, a decisão foi tomada diante da “necessidade de adoção de medidas para conter a transmissão do novo coronavírus (covid-19), evitando a necessidade de deslocamentos e a concentração de pessoas em estabelecimentos públicos”.

A portaria diz que a credencial de passe livre tem validade de três anos, a contar da data de sua expedição, e que a sua renovação se dará por manifestação do interessado, “encaminhada ao órgão responsável, ou ao órgão ou entidade conveniada e detentora do processo.”